Correio do Minho

Braga, terça-feira

Vieira do Minho: Dois ‘call centers’ vão criar até 500 empregos
Antigo autarca de Guimarães elogia governação de Mesquita Machado

Vieira do Minho: Dois ‘call centers’ vão criar até 500 empregos

Cónegos com alma guerreira salvam ponto no cair do pano na recepção ao Setúbal

Cávado

2017-05-19 às 06h00

Redacção

JULHO é o mês previsto para a abertura do segundo ‘call center’ da ‘Altice’ em Vieiro do Minho. As duas estruturas irão empregar até 500 pessoas.

Os dois 'call center' da Altice, em Vieira do Minho, deverão criar entre 400 e 500 postos de trabalho, afirmou ontem o cofundador da empresa, Armando Pereira.
“Penso que vamos conseguir 400 a 500 postos de trabalho, o que é enorme para uma vila como esta, é algo que nunca existiu na história do concelho”, afirmou Armando Pereira em Vieira do Minho, à margem da inauguração de uma exposição da Fundação Portugal Telecom.
O primeiro “call center” da Altice em Vieira do Minho abriu em Maio de 2015 e emprega actualmente 110 trabalhadores.
O segundo tem abertura prevista para 20 de Julho, devendo arrancar com cerca de 100 trabalhadores.
Este novo “call center” está a nascer no âmbito da recuperação e ampliação da antiga Escola Básica de Vieira do Minho, um projecto que inclui uma incubadora de empresas.
Trata-se de um investimento de 1,1 milhões de euros, suportado pela câmara, sendo que depois o grupo Altice pagará uma renda pela utilização do edifício.
Armando Pereira é um dos quatro sócios fundadores da Altice, detendo 30% da empresa. Natural de Guilhofrei, Vieira do Minho, sublinhou a sua satisfação por “poder fazer alguma coisa” pela terra onde nasceu e “dar trabalho” aos seus conterrâneos.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.