Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
Viana do Castelo financia limpeza urbana com reservas da oposição
Esposende sensibiliza para necessidade de preservar a abelha

Viana do Castelo financia limpeza urbana com reservas da oposição

Centro Social de Sobreposta cria centro de respostas integradas

Viana do Castelo financia limpeza urbana com reservas da oposição

Alto Minho

2022-01-26 às 06h00

José Paulo Silva José Paulo Silva

Serviços Municipalizados de Viana do Castelo recebem este ano quase 840 mil euros para a limpeza urbana do concelho. Oposição camarária diz que é a consequência da adesão à ADAM.

Citação

A Câmara Municipal de Viana do Castelo vai transferir este ano para os Serviços Municipalizados (SMVC) 837 720 mil euros, para garantir a limpeza urbana. A verba está inscrita num protocolo de cooperação financeira, ontem aprovado em reunião da vereação com os votos da maioria socialista e da vereadora da CDU e a abstenção do PSD e CDS-PP.
O protocolo de cooperação financeira estabelece um custo mensal de 69 810 euros para a recolha, depósito e tratamento de resíduos sólidos e a higienização e limpeza urbanas.
O vereador do PSD, Eduardo Teixeira, apresentou uma “nota de preocupação” para justificar a abstenção do seu partido, defendendo que deve ser “ponderado” o modelo de gestão dos SMVC, após a adesão do Município, em 2020, à empresa Águas do Alto Minho (AdAM).

“Os SMVC deixaram de ter receitas com a adesão à AdAM. Ao perder a gestão da água, passou a onerar os cofres municipais, em 840 mil euros, por ano, para que seja assegurada a limpeza urbana”, alegou o vereador social-democrata.
A vereadora do CDS-PP, Ilda Araújo Novo, considerou também que a protocolo com os SMVC decorre da perda de receitas destes serviços com a adesão à ADAM. Reconhecendo que o protocolo assegura aos SMVC o suporte para a prestação de um serviço público, disse que “o CDS-PP não se pode esquecer que, até à adesão à AdAM, os SMVC realizavam bastantes receitas com a venda da água”.
A vereadora da CDU, Cláudia Marinho, votou a favor do apoio financeiro, mas referiu que a adesão à AdAM está a ter consequências. “Espero que não se venha a registar a transferência dos serviços para empresas de ‘outsourcing’, disse, adiantando que “os serviços prestados pelos SMVC são de excelência”.

Na resposta às preocupações da oposição, o presidente da Câmara Municipal, Luís Nobre, afirmou que “não pode ser feita uma relação directa, entre a perda de receitas dos SMVC e a adesão à AdAM”. Segundo o edil, “estamos a falar de coisas diferentes. Sei que há um ponto de partida e pode haver alguma relação, mas é marginal. A relação que podia existir com a adesão do município à AdAM é marginal e ia diluir-se com o tempo. Não podíamos reflectir no tarifário da água, saneamento e recolha de resíduos sólidos, a limpeza urbana”, argumentou Luís Nobre, segundo o qual, “com o reajustamento que a Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos foi impondo nos tarifários da água”, a integração dos custos destes serviços no orçamento municipal era “inevitável”.

Defendeu que “nenhum munícipe tinha a obrigação de estar a suportar um serviço que é da Câmara” e que “o modelo de cidade que queremos tem implicações”, nomeadamente com o reforço da limpeza das redes viárias e de ecovias, de praias, ribeiros e de zonas industriais.
“A câmara tem de dar uma imagem de que cuida de forma transversal de todas as suas competências e quero resultados. Quero que se sinta no território que estamos a cuidar dele”, apontou.
Em 2021, a Câmara Municipal de Viana do Castelo transferiu para os SMVC 725 mil euros como compensação pela prestação de serviços de higiene urbana.

Deixa o teu comentário

Banner publicidade

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho