Correio do Minho

Braga,

- +
Viana do Castelo cria Comunidade de Energias Renováveis
EPATV apresenta na Católica resultados de projecto Erasmus+

Viana do Castelo cria Comunidade de Energias Renováveis

Ricardo Soares chama atenção para a motivação extra do Condeixa

Viana do Castelo cria Comunidade de Energias Renováveis

Alto Minho

2021-10-14 às 06h00

Redacção Redacção

Projecto envolve o município e quatro empresas da Zona Industrial do Neiva e pretende produzir 47,6 por cento da energia consumida a partir de fontes 100 por cento renováveis

O município de Viana do Castelo e quatro empresas da Zona Industrial do Neiva assinaram um memorando de entendimento para a criação de uma Comunidade de Energias Renováveis naquele parque empresarial. O objectivo é que a comunidade comece a produzir, dentro de um ano e meio, 47,6 por cento da energia consumida anualmente a partir de uma fonte energética 100 por cento renovável. Para tal, está prevista a construção de um parque eólico de 4,2 Megawatts, com uma produção anual estimada de 9.232 Megawatt-hora.
A Comunidade de Energias Renováveis “permitirá uma forte redução da factura energética das empresas, superior a 25 por cento, com um forte contributo para a descarbonização e para a sustentabilidade da região”, indica o memorando.
A assinatura do documento contou com a presença do secretário de Estado Adjunto e da Energia, João Galamba, que indicou que
“arevisão da legislação do setor energético, prestes a ser concluída, prevê a criação de três zonas livres tecnológicas, sendo que Viana do Castelo será consagrada com uma zona livre para as offshore e as energias oceânicas. Segundo João Galamba, a criação de uma Zona Livre Tecnológica em Viana do Castelo visa ir “além de projetos à escala industrial e ter também projetos-piloto, ser uma zona de testes, inovação, um laboratório vivo para energias oceânicas”.
O autarca vianense, José Maria Costa referiu que “Portugal está na liderança no que toca a projectos de energia renovável e à produção de energias renováveis” e fez votos para que esta seja a primeira de muitas a serem instaladas nas áreas industriais do concelho,

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho