Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Valença: Carpinteira promete “determinação, experiência e capacidade de diálogo”
Município de Esposende institui “Prémio Paulo Gonçalves” para distinguir atletas de excelência

Valença: Carpinteira promete “determinação, experiência e capacidade de diálogo”

Empresa “Guimarães Marca” vence categoria Têxteis Lar do Fashion Film Festival

Valença: Carpinteira promete “determinação,  experiência e capacidade de diálogo”

Alto Minho

2021-10-20 às 09h00

Juliana Martins Juliana Martins

Eleito sem maioria absoluta, José Manuel Carpinteira é o novo presidente da Câmara Municipal de Valença. O executivo será constituído por três vereadores eleitos pelo PS, dois eleitos pelo PSD e, ainda, dois eleitos do movimento Fortalecer Valença.

Os novos titulares da Câmara e Assembleia Municipal de Valença tomaram posse no auditório do Centro de Inovação e Logística. Eleito sem maioria, o executivo municipal liderado por José Manuel Carpintera vai ser constituído pelos vereadores Ana Paula Xavier e Arlindo Sousa do PS.
O PSD estará representado pelos vereadores Manuel Rodrigues Lopes e Elisabete Domingues e, para fechar o executivo, os vereadores José Monte e Rui Rodrigues do movimento independente Fortalecer Valença.
José Manuel Carpinteira no discurso da tomada de posse, reconheceu os desafios deste mandato. No entanto, o presidente garantiu abraçar “esta missão com determinação, coragem, experiência e capacidade de diálogo”, acrescentando que a oposição, “quando construtiva e bem exercida, é fundamental para a gestão municipal”.
O presidente da Câmara de Valença assumiu, assim, colocar “os superiores interesses de Valença em primeiro lugar”, prometendo responder aos compromissos expressos em campanha com “enorme dedicação, capacidade de trabalho e ambição”.
Nos próximos quatro anos, o presidente deseja um concelho “com mais ambição, com maior capacidade de acção e intervenção” e com mais projectos de desenvolvimento.
Neste sentido, Carpinteira apresenta como principais prioridades a pasta da empresa Águas do Alto Minho, a reabertura do serviço de atendimento permanente do Centro de Saúde, a adequação da Estratégia Local de Habitação de Valença às necessidades da classe média, o fortalecimento da cooperação transfronteiriça, bem como, a afirmação de Valença como a capital da actividade cultural do Vale do Minho.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho