Correio do Minho

Braga, quinta-feira

Tabagismo: Campanha Europeia realizou cerca de 1.400 eventos e testou mais de 575.000 pessoas - HELP
Câmara Municipal apoia certificação dos bordados de S. Miguel da Carreira

Tabagismo: Campanha Europeia realizou cerca de 1.400 eventos e testou mais de 575.000 pessoas - HELP

Esposende: Centro de Educação Ambiental dedica mês de janeiro à ciência

2010-11-14 às 15h59

Lusa

Cerca de 1.400 eventos realizaram-se nos países da União Europeia no âmbito da campanha HELP, contra o tabaco, em que mais de 575 mil pessoas fizeram testes de monóxido de carbono, segundo os resultados da iniciativa lançada em 2005.

Cerca de 1.400 eventos realizaram-se nos países da União Europeia no âmbito da campanha HELP, contra o tabaco, em que mais de 575 mil pessoas fizeram testes de monóxido de carbono, segundo os resultados da iniciativa lançada em 2005.

Em Portugal, mais de 15 mil pessoas marcaram presença nos 70 eventos que percorreram várias cidades do país, com aconselhamento e ajuda.

A campanha de comunicação “HELP - Por uma vida sem tabaco”, dirigida essencialmente aos jovens, apostou fortemente na Internet e redes sociais, mas também em anúncios televisivos que foram vistos por 67 por cento dos cidadãos da União Europeia, com menos de 25 anos.

O site, criado para esta campanha europeia, teve mais de 16 milhões de visitas e uma série transmitida on-line registou 5,6 milhões de visionamentos, de acordo com os dados a que agência Lusa teve acesso.

Segundo, a organização, a campanha tornou-se um caso de estudo de marketing, tendo sido colocadas on-line 2.379 dicas.

A campanha, da responsabilidade da Comissão Europeia, visa afastar os jovens do consumo de tabaco, procurando mostrar como o hábito é “absurdo” e oferecendo ajuda, deixando também um espaço para dicas e conselhos pessoais.

Focada no grupo dos 15 aos 34 anos, a campanha envolveu a colaboração de associações de jovens, como o Conselho Nacional de Juventude e a Associação Nacional de Estudantes de Medicina.

Centrada sobretudo na Internet e disponível nas 22 línguas da União Europeia, a campanha alerta para os perigos do tabaco, disponibilizando ligações para associações ligadas a esta temática e uma agenda das atividades a decorrer.

Desde o arranque da campanha, o site (www.help-eu.com) teve 16 milhões de visitas e páginas de fãs no Facebook e outras redes totalizaram mais de 8.000 membros, segundo a organização.

Na televisão, a campanha foi divulgada em 136 estações e, de acordo com estudos realizados, 43 por cento dos cidadãos europeus assistiu, sendo que o número aumenta para 67 por cento no grupo alvo (menos de 25 anos).

“Com 594 milhões de contactos contabilizados no grupo etário dos 15 aos 34 anos, em 2010, a campanha recebeu nota positiva de 88 por cento dos jovens e ficou na memória de 89 por cento”, lê-se no relatório.

A série Helpers, com novos episódios mensais, recebeu mais de 5,6 milhões de visionamentos, mostrando, em cada episódio, um jovem europeu confrontado com um das três temáticas-chave: querer deixar de fumar, não começar, e evitar o fumo passivo.

Os resultados da campanha anti-tabaco serão publicamente apresentados na segunda-feira, na presença da presidente do Conselho Nacional da Juventude, Rute Borrego, do coordenador da linha SOS Deixar de Fumar, Paulo Vitoria, e do médico Fernando Pádua.

+++ Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico +++

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.