Correio do Minho

Braga, terça-feira

Spin-off da UMinho em projecto internacional de curadoria digital
Instituto de Educação vai formar professores angolanos em metodologia de ensino

Spin-off da UMinho em projecto internacional de curadoria digital

Destino das ‘Convertidas’ suscita reservas

Ensino

2015-02-22 às 14h20

Redacção

KEEP SOLUTIONS, spin-off da UMinho, integra projecto internacional de curadoria digital, criando um roteiro com os passos a dar até 2020 pelas instituições para preservação de conteúdos online.

Há cada vez mais documentos alojados nas redes digitais, com grande valor e que ameaçam perder-se face à desactualização tecnológica e à falta de recursos financeiros. É um problema claro para arquivos, academias, bibliotecas e centros I&D. Nesse sentido, uma rede internacional que inclui a Keep Solutions, spin-off da Universidade do Minho, criou um roteiro com os passos a dar até 2020 pelas instituições e áreas profissionais. Criou ainda o site curationexchange.org, para apoiar organizações de todo o mundo a avaliar os seus investimentos na preservação de conteúdos online.

O intuito da rede de parceiros, designada 4C e apoiada pela União Europeia, é “servir para uma mudança radical de atitudes, na maneira como as instituições pensam e agem relativamente aos seus activos digitais e custos associados à sua preservação”. A iniciativa pretende ser utilizada e partilhada por todos, desde profissionais da informação a cientistas, decisores, associações e os próprios cidadãos, prevendo também acções políticas de sensibilização. O roteiro está disponível em cinco idiomas, em 4cproject.eu/rm-resources.
 “Dentro de cinco anos será mais fácil desenvolver ou adquirir serviços eficientes e económicos de gestão de informação digital, pois os seus custos, benefícios e modelos de negócio serão melhor compreendidos, em particular pelos profissionais da informação”, diz a Keep Solutions, que presta serviços avançados neste domínio. A área da curadoria digital desperta um interesse contínuo da comunidade internacional. Envolve a gestão, preservação e agregação de valor dos objectos digitais em todo o seu ciclo de vida. Tem o fim de maximizar o potencial de reutilização, atenuar o risco destes objectos se tornarem inutilizáveis devido à obsolescência tecnológica e aumentar o valor destes activos a longo prazo.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.