Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Solução vem “no momento certo” abrir “janela de oportunidade”
Projecto ‘Vizela Cidade Desportiva’ avança com vários investimentos

Solução vem “no momento certo” abrir “janela de oportunidade”

Monumentos minhotos recebem 1,3 ME para obras de requalificação

Solução vem “no momento certo” abrir “janela de oportunidade”

Braga

2021-02-17 às 06h00

Patrícia Sousa Patrícia Sousa

Comerciantes têm agora uma ferramenta para ajudar a responder à crise que se vive, permitindo o acesso ao marketplace CTT Comércio Local e a um conjunto de iniciativas formativas.

Projecto Comprar@Braga “vem no momento certo” para ajudar quem está a atravessar um período de dificuldade, abrindo aqui “uma janela de oportunidade”, que segundo o presidente da Câmara Municipal de Braga “vai muito para além do contexto da pandemia”, dando aqui também resposta a “uma necessidade de acelerar o comércio electrónico e a digitalização”. Ricardo Rio espera que “muitos tirem proveito desta solução” de modo a enfrentar com mais força e resiliência os tempos que vivemos”.
Se é importante criar condições para amenizar os impactos com apoios de natureza orçamental, fiscal e outros que possam ser mobilizados, sobretudo, ao nível do Estado Central, “é também muito importante que sejam criadas condições de sustentabilidade de negócio que mais do que ajudar a sobreviver o que se pretende é que os agentes económicos do concelho tenham condições de continuar a manter a sua actividade em relação estreita com os seus consumidores e até alargar o seu campo de actuação”, defendeu Ricardo Rio, durante a apresentação desta nova ferramenta.
Resultado da parceria estabelecida com os CTT, os comerciantes do concelho que aderirem ao Comprar@Braga podem aceder gratuitamente à plataforma CTT Comércio Local até ao próximo dia 31 de Dezembro. “Esta é uma das vantagens em que temos estado a trabalhar com os CTT, um parceiro de referência na vida dos portugueses e que traz para o projecto o seu selo de qualidade”, constatou ainda o presidente, adiantando que os consumidores que, ao optarem por comprar produtos vendidos no comércio local bracarense poderão usufruir da oferta da taxa de entrega CTT até ao final do mês de Março.
Ricardo Rio aproveitou a oportunidade para enaltecer “a inequívoca colaboração dos CTT”, reconhecendo também o trabalho feito pela InvestBraga e pela Associação Comercial de Braga.
O administrador executivo da InvestBraga começou por deixar uma “mensagem de esperança” a quem vai agora avançar com esta nova fase tecnológica. “No início vai parecer um processo complicado, mas os comerciantes e empresários vão adquirir as competências necessárias para o uso desta ferramenta”, confirmou Carlos Silva, garantindo que “uma vasta equipa está disponível para ajudar de forma rápida”. O administrador executivo deixou o apelo: “façam a vossa adesão até daqui a 15 dias para depois fazermos a massificação da divulgação”.
Carlos Silva não tem dúvida que este processo “vai trazer muitas vantagens”, já que vai permitir um acesso mais global, maior facilidade de pagamento, maior concorrência, aumento da visibilidade e o aumento das vendas aos comerciantes.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho