Correio do Minho

Braga,

- +
Ricardo Rio formalizado candidato à Câmara por unanimidade e aclamação
Gonçalo Guedes está em “perfeita forma”

Ricardo Rio formalizado candidato à Câmara por unanimidade e aclamação

Rota Fluvial do Rio Minho Internacional lançada este verão

Ricardo Rio formalizado candidato à Câmara por unanimidade e aclamação

Braga

2021-05-16 às 06h00

Marlene Cerqueira Marlene Cerqueira

Plenário concelhio confirmou o nome de Ricardo Rio para candidato à Câmara. No encontro, foi ainda definido o objectivo político para as próximas autárquicas: “ganhar por mais votos para a Câmara, para Assembleia Municipal e para as freguesias”, refere o líder da Concelhia, João Granja.

Sem surpresa, o plenário concelhio do PSD Braga deu parecer unânime e aclamação ao nome de Ricardo Rio para cabeça-de-lista à Câmara Municipal de Braga pela Coligação ‘Juntos por Braga’ nas próximas eleições autárquicas.
A novidade na Coligação ‘Juntos por Braga’ é a integração do partido Aliança, que se junta ao PSD, CDS-PP e PPM. O acordo de Coligação deverá ser assinado no final deste mês ou início de Junho.
Ainda antes disso, esta semana a Distrital do PSD deve também aprovar a indicação de Ricardo Rio a cabeça-de-lista, numa reunião em que vão ser homologados também os cabeças-de-lista a Famalicão e a Terras de Bouro.
Com o aval da Distrital, o nome de Rio seguirá para os órgãos nacionais.

O plenário realizou-se anteontem à noite, no Hotel Mercure, como é tradição no PSD. Esta foi a primeira reunião ordinária da Assembleia de Secção do partido desde a chegada da pandemia. A sala encheu, mas foram seguidas à risca as indicações da DGS, garante João Granja.
O líder da Concelhia refere ainda que o objectivo para as autárquicas é claro: “ganhar por mais votos para a Câmara, para Assembleia Municipal e para as freguesias. É esse claramente o nosso objectivo político”.
Dirigindo-se aos militantes, o presidente do PSD Braga considerou ainda “de excelência” o trabalho que tem vindo a ser realizado pela equipa liderado por Ricardo Rio.

“Ricardo Rio assumiu um compromisso para um projecto de 12 anos – já cumpriu praticamente oito anos de desempenho –, mas temos ainda um terço desse tempo para continuar a desenvolver um programa que tem sido largamente ultrapassado em todos os mandatos. Tem tido a ambição e a capacidade de concretizar os compromissos que assumiu com os bracarenses. Naturalmente que há ainda trabalho a fazer, problemas novos, que, neste horizonte de quatro anos, temos uma legítima expectativa de que possam ser resolvidos”, referiu.
Ricardo Rio também usou da palavra, tendo traçado uma síntese do trabalho desenvolvido nos oito anos de mandato e pedindo “empenho num momento em que Braga não pode voltar atrás”.

“Quando nós prometíamos um tempo novo, que a mudança não ia parar – a cada quatro anos que iam passando – hoje nós olhamos para trás e sabemos que estamos a falar de uma cidade completamente diferente daquela que encontrámos, quando assumimos funções em 2013”, disse, apontando baterias para o desafio que se coloca num futuro muito próximo: “Para esta batalha contamos com todos. Conto com o vosso apoio, conto com a vossa confiança, mas sobretudo com o vosso trabalho para voltarmos a ter uma grande vitória”.
Se vencer as eleições, Ricardo Rio cumprirá o último mandato como presidente de Câmara.

Sobre a constituição das listas nada será avançado antes da formalização do acordo de Coligação. No entanto, é certo que haverá alterações face a 2017, desde logo porque entretanto Firmino Marques deixou o executivo municipal para rumar, como deputado, à Assembleia da República. Outra alteração é a saída de Lídia Dias, a vereadora da Cultura e da Educação, eleita pelo CDS-PP, que já a anunciou que “por motivos pessoais” não tem disponibilidade para continuar no executivo.

CDS-PP aprova coligação e indicação de Rio para cabeça-de-lista

A Concelhia do CDS-PP aprovou anteontem, por unanimidade, o acordo da Coligação ‘Juntos por Braga’, confirmando também o apoio a Ricardo Rio para cabeça-de-lista.
Em comunicado, assinado pelo líder da Concelhia, Altino Bessa, evidencia que a génese do acordo “mantém os trâmites definidos nas últimas eleições autárquicas, em 2017”. A grande novidade para as autárquicas de 2021 é a integração de um novo parceiro, o partido Aliança. Segundo Bessa, o acordo mantém a “essência de uma estrutura que vigora desde 2001”.

No encontro, Altino Bessa realçou que este é “um dos acordos mais bem estruturados no que concerne às coligações PSD/CDS-PP existentes no país”. Refere ainda que a Coligação tem, ao longo dos últimos anos, desenvolvido um trabalho de proximidade com os bracarenses que se retrata na evidente evolução positiva do concelho”.
“Ao lado de Ricardo Rio cumpriram-se sempre as directrizes definidas entre a Coligação e é assim que queremos continuar esta feliz cooperação de trabalho em prol do concelho”, afirma Altino Bessa.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho