Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +
PSD Braga e Misericórdia de Braga discutiram respostas sociais
Pepa assume “obrigação” de vencer o Casa Pia

PSD Braga e Misericórdia de Braga discutiram respostas sociais

Atletas do Clube Náutico homenageados por promoverem a canoagem nacional

PSD Braga e Misericórdia de Braga discutiram respostas sociais

Braga

2021-06-19 às 06h00

Redacção Redacção

Comitiva política esteve reunida com a direcção da Santa Casa da Misericórida de Braga, para aferir do impacto do trabalho realizado nos últimos anos e conhecer os projectos e metas para o futuro.

Dando seguimento ao seu trabalho de contacto directo com as instituições sociais do concelho, a Comissão Política de Secção do PSD Braga reuniu com os membros da mesa administrativa da Santa Casa da Misericórdia de Braga (SCMB), com o objectivo de aferir o impacto do trabalho realizado ao longo dos anos, mas também de discutir que desafios futuros se perfilam no horizonte no que concerne às preocupações e metas sociais imprescindíveis para o crescimento da cidade.
O encontro teve uma carga simbólica, por realizar-se no Dia da Consciencialização sobre a violência contra o idoso, e foi uma audiência profícua, na qual o provedor Bernardo Reis, ladeado pelos seus colegas de mesa, recebeu e ouviu a delegação do PSD Braga liderada por João Granja, agradecendo desde logo a preocupação demonstrada pela estrutura local do partido em estar a par do caminho que a instituição tem percorrido.
Nesta oportunidade, o PSD Braga manifestou o reconhecimento e o apreço pelo trabalho desenvolvido pela SCMB, nomeadamente durante a pandemia, recordando que mesmo em momentos difíceis, os profissionais das Misericórdias não abandonaram os seus postos de trabalho mesmo que, não raras as vezes, as suas funções e missão exigissem que estivessem longe dos seus familiares.
Um dos temas mais discutidos durante a audiência tratou-se da adaptação do pavilhão sul do antigo complexo do Hospital de S. Marcos. Num futuro que se deseja próximo, a SCMB irá instalar nesse edifício um equipamento de apoios continuados de médio e longo prazo. A funcionar nesta nova valência estará ainda prevista a implementação de dois lares, um centro de dia e um projeto ambicioso de residência assistida e de apoio domiciliário.
Pelas palavras do provedor dsa Santa Casa da Misericórdia de Braga, Bernardo Reis, o PSD Braga ouviu e comungou do entusiamo sentido em torno deste projecto que considera ser estrutural e de grande importância para o concelho. O equipamento dotará Braga de resposta mais qualificada numa área vital para o futuro e para o bem-estar da comunidade bracarense.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho