Correio do Minho

Braga,

- +
Protocolo entre CIM-Ave e Segurança Social retira oito mil pessoas da pobreza
Famalicão Youth Fest! na Casa da Juventude

Protocolo entre CIM-Ave e Segurança Social retira oito mil pessoas da pobreza

Casa do Professor: Novo presidente quer fidelizar e captar associados a nível nacional

Protocolo entre CIM-Ave e Segurança Social retira oito mil pessoas da pobreza

Cávado

2014-10-28 às 06h00

Miguel Viana Miguel Viana

Acordo assinado entre a CIM-Ave e a Segurança Social cria condições para a reintegração de oito mil pessoas que vivem na pobreza, através da realização de várias acções e projectos locais de desenvolvimento.

A Comunidade Intermunicipal do Ave (CIM do Ave) e a Segurança Social (SS) de Braga assinaram ontem um acordo de compromisso no âmbito do Plano Estratégico para o Crescimento Inclusivo.
O acordo tem em vista a união de esforços para a criação de condições de inclusão social e o incremento de projectos locais de desenvolvimento.

O objectivo “é aumentar o rendimento de oito mil pessoas em situação de pobreza, através da capacitação para a inclusão com recurso ao trabalho inter-organizacional feito em rede”, disse Maria João Ferreira, a técnica responsável pelo projecto, que vai ser aplicado com recurso aos fundos do programa europeu de apoios Portugal 2020.

O acordo permite, ainda, obter maior articulação entre as entidades envolvidas, através do desenvolvimento de parcerias, cooperação e partilha de responsabilidades. Está previsto, também, o princípio da participação, que permite aos intervenientes participar no planeamento e realização de programas e projectos para o território.

As áreas principais de intervenção são as da saúde mental e da deficiência. “Na saúde mental, não existem respostas na região. Na deficiência, existem algumas respostas mas não estão articuladas”, explicou a mesma técnica.

Manuel Baptista, presidente da CIM do Ave, referiu que o acordo é uma “experiência que vai trazer vantagens” para a região e que resulta de uma colaboração existente há já algum tempo.
“É fruto de um trabalho que temos feito e estamos, assim, em condições de responder melhor aos desafios feitos”, disse Manuel Baptista.

Rui Barreira, director do Centro Distrital de Braga da SS, acrescentou que o acordo ontem assinado “tem como objectivo trabalhar um plano que possa incluir respostas de futuro. Vai permitir à Segurança Social e às autarquias, em conjunto, chegar ao conhecimento real dos problemas.”

Apesar do acordo só ter sido formalizado ontem, o responsável máximo da Segurança Social no distrito de Braga, acrescentou que já está a ser desenvolvido um plano em conjunto com os municípios “que vai permitir a que façamos um plano de desenvolvimento social da CIM. Já estamos a colaborar no terreno. Este acordo é só a selagem desse compromisso.”

Na assinatura do acordo, para além do presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso e da CIM-Ave (Manuel Baptista) estiveram também presentes os autarcas de Guimarães (Domingos Bragança), Vila Nova de Famalicão (Paulo Cunha), Cabeceiras de Basto (China Pereira), Vieira do Minho (António Cardoso), Fafe (Raúl Cunha) e Vizela (Dinis Costa).

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.