Correio do Minho

Braga, quinta-feira

Projecto ambiental desafia alunos a reduzir os gastos com a energia
B Fachada, Emmy Curl e Joana Espadinha participam na Green Week de Guimarães

Projecto ambiental desafia alunos a reduzir os gastos com a energia

Frota automóvel municipal de Viana do Castelo vai ser 100% eléctrica

Braga

2018-02-09 às 07h00

Paula Maia

A MINHA Escola é Eficiente surge com uma nova imagem, mas com o mesmo propósito com que foi criado em 2016: sensibilizar os alunos a melhorar a eficiência energéticas nas escolas do concelho.

A ideia não é nova, mas surge com uma nova roupagem. A Minha Escola é Eficiente é um projecto pioneiro a nível nacional promovido pelo Município de Braga com o objectivo de sensibilizar o público escolar do concelho a mudar hábitos e a criar uma cultura de responsabilidade ambiental no que diz respeito à poupança energética.
A implementação do programa nas escolas inclui a realização de um conjunto de visitas e mecanismos de interacção com os alunos, dos quais se destaca a figura do Poupas, a mascote do projecto.
Implementado em 2016, o projecto sofreu uma renovação ao nível da imagem - nomeadamente do site e logótipo - mas mantém o propósito para o qual foi concebido. É preciso estar permanentemente a sensibilizar as pessoas para as questões ambientais, referiu o vereador do Ambiente da câmara de Braga, Altino Bessa na apresentação do novo site. E no que diz respeito à poupança energética, para além da redução dos custo da factura - e são mais de dois milhões e meio de euros que a autarquia paga em termos de custos energéticos por ano - Altino Bessa diz que o que se pretende também é que, se alguma forma, não se desperdice energia.
As crianças são o principal alvo deste projecto de educação ambiental porque, segundo o vereador, interiorizam estes procedimentos, estas acções de sensibilização de uma forma dife- rente. Além de actuarem na escola, estes delegados do Poupas conseguem também transmitir os seus ensinamentos no seio familiar, contribuindo para reduzir os custos das famílias.
O projecto quer abranger o maior número de alunos do concelho. Nas seis visitas que temos agendadas até Maio pretendemos chegar a 1100 alunos, refere o vereador do Ambiente.
No final do ano, a autarquia atribui prémios aos estabelecimentos de ensino que mais reduziram a factura energética durante o ano lectivo.
De acordo com Altino?Bessa, outro dos objectivos é implementar este projecto dentro do próprio Município para que os funcionários o interiorizem e o transmitam também nas suas casas. Em cada edifício municipal haverá um espécie de Poupas que será responsável por cada gabinete que irá receber também os mandamentos. O Manual dos?Professores serve também perfeitamente para o universo municipal, adiantou ainda Altino Bessa.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.