Correio do Minho

Braga,

- +
Programação cultural definida entre Guimarães e Clermond-Ferrand
Espaço Cidadão de Lanheses aproxima os cidadãos dos serviços públicos essenciais

Programação cultural definida entre Guimarães e Clermond-Ferrand

APLOG reuniu responsáveis empresariais e políticos

Programação cultural definida entre Guimarães e Clermond-Ferrand

Vale do Ave

2021-10-22 às 13h13

Redacção Redacção

Parceria entre a Contextile e o Festival Internacional dos Têxteis Extraordinários (FITE) no âmbito da Saison Croisée (Temporada Cruzada) França-Portugal em 2022.

A vice-presidente da Câmara de Guimarães, Adelina Pinto, recebeu a Vereadora da Cultura do Município de Clermont-Ferrand (França), Isabelle Lavest, para aprofundar a parceria entre o FITE (Clermond-Ferrand) e Contextile 2022 (Guimarães), no âmbito da Saison Croisée (Temporada Cruzada) França-Portugal em 2022, promovida pelos governos dos dois países, e coincidindo com a presidência de ambos no Conselho da União Europeia. Nesta delegação que visitou Guimarães destaque ainda para presença de Christine Athenor, presidente do FITE.

Esta parceria pretende traduzir o planeamento de uma estratégia de programação cultural conjunta e que se formalizará através da realização de exposições de artistas plásticos de renome na Exposição Internacional do FITE, que vai decorrer no Musée Bargoin Clermont-Auvergne Métropole, mas também a presença de obras de artistas portugueses que trabalham o têxtil na Exposição (Portuguesa) que terá lugar no Musée d’Art Roger-Quilliot, Residências Artísticas em intercâmbio que envolverão artistas nacionais e franceses, seminários, intercâmbio com escolas de arte de ambos os países e projetos específicos para estudantes. A Contextile – Bienal de Arte Têxtil Contemporânea – celebra 10 anos, tendo surgindo na Capital Europeia da Cultura e tendo-se assumido como um evento de referência não só à escala local, mas também à escola nacional e mesmo internacional.

O FITE e a Contextile são duas entidades culturais que promovem a dimensão artística do têxtil, as suas potencialidades tecnológicas e o cruzamento com outras disciplinas tendo por referência o território onde estão inseridos, resultando daí ações culturais de grande impacto que posicionarão Portugal e o seu território de cultura têxtil num lugar de destaque e que consolidará o trabalho que a bienal tem vindo a desenvolver ao longo da sua existência, através das práticas artísticas, num sentido de conectar os territórios têxteis nacionais e internacionais.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho