Correio do Minho

Braga, terça-feira

Produção biológica é o pilar das ementas diárias do restaurante Casa das Hortas
Câmara assinou protocolos com Real Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vizela

Produção biológica é o pilar das ementas diárias do restaurante Casa das Hortas

Destino das ‘Convertidas’ suscita reservas

Economia

2017-03-08 às 10h13

Redacção

“Arrojo e diferença”. É desta forma que Rui Santos, proprietário do restaurante Casa das Hortas, localizado no Campo das Hortas, define o espaço acolhedor onde recebe diariamente os seus clientes há cerca de um ano. Apesar de ostentar um toque moderno e vanguardista, à mesa deste restaurante é servido o melhor da tradição gastronómica, onde cada ingrediente tem uma história e é seleccionado com o maior rigor.

“Arrojo e diferença”. É desta forma que Rui Santos, proprietário do restaurante Casa das Hortas, localizado no Campo das Hortas, define o espaço acolhedor onde recebe diariamente os seus clientes há cerca de um ano.
Apesar de ostentar um toque moderno e vanguardista, à mesa deste restaurante é servido o melhor da tradição gastronómica, onde cada ingrediente tem uma história e é seleccionado com o maior rigor.

A produção biológica é o pilar das ementas da Casa das Hortas. Fruto da sua actividade profissional, Rui Santos consegue trazer para este espaço o melhor que podemos encontrar na região e no país. “Compomos os nossos pratos com aquilo que é produzido nas nossas explorações. Somos produtores com alguns espaços nos concelhos de Amares e Vila Verde, nomeadamente ao nível de frutos e hortícolas. Além disso, como dou apoio técnico a alguns produtores a nível nacional tenho acesso a coisas muito boas ”, revela o proprietário da Casa das Hortas, apontando como exemplo o azeite ou o vinho do Porto originário das regiões demarcadas.

“Tentamos criar neste restaurante um espaço diferente do ponto de vista alimentar para que os cidadãos citadinos, e não só, possam degustar aquilo que é originário da terra, sem qualquer químico de síntese, homologado em produção biológica. Todos os legumes, frutas que são utilizados para confeccionar os nossos pratos são produzidos em modo de produção biológica”.
Todos os legumes que acompanham os pratos são exclusivamente produtos da época.

Entreos principais pratos encontram-se o Bacalhau à Braga, o Bacalhau à Tiborna (na brasa, com batata à murro, regada com o bom azeite); os peixes de mar grelhados na brasa (carvão);o misto de Polvo com Bacalhau; misto de carnes (Posta Barrosã com presa de Porco Preto) ou o Lombo de Boi.
Aberto à hora de almoço e jantar, durante a semana o espaço oferece, ao almoço, um menu executivo com a escolha de um prato de carne ou peixe, uma sopa, um copo de vinho e/ou refrigerante e um café que é acompanhado por um pequeno mimo. Tudo por 10.50 euros.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.