Correio do Minho

Braga,

- +
Procissão dos Passos de Celeirós é domingo
Famalicão já destruiu mais de oito mil ninhos de vespa asiática

Procissão dos Passos de Celeirós é domingo

Moreirense teve o pássaro na mão mas deixou-o fugir

Procissão dos Passos de Celeirós é domingo

Braga

2023-03-24 às 06h00

Marlene Cerqueira Marlene Cerqueira

Domingo, às 15 horas, volta a realizar-se a Procissão do Senhor dos Passos de Celeirós, que se distingue de todas as outras da Arquidiocese pelos seus quadros bíblicos ao vivo. É esperada uma das maiores participações de sempre em termos de figurantes.

Citação

Cumprindo a tradição do V Domingo da Quaresma, a comunidade paroquial de Celeirós mobiliza-se no próximo dia 26 de Março para realizar a Procissão do Senhor dos Passos, que este ano vai contar com uma das maiores participações de sempre em termos de figurados.
Com início marcado para as 15 horas, estas solenidades, cuja origem remonta a 1946, distinguem-se de todas as outras realizadas na Arquidiocese de Braga pelos quadros bíblicos ao vivo integrados na procissão.
A Procissão dos Passos arranca precisamente com a representação da entrada triunfal de Jesus Cristo em Jerusalém, a Última Ceia, a passagem de Cristo pelo Horto das Oliveira e a sua entrega por Judas, o ‘traidor’, que apareceu à frente de uma grande multidão com guardas e o Centurião. Esta primeira representação acontece à porta da igreja antiga de Celeirós
Num segundo momento, um outro quadro vivo representa o Encontro de Jesus Cristo com Sua Mãe, um dos momentos mais emotivos desta celebração religiosa.
A procissão termina novamente junto à Igreja paroquial com a representação da Crucificação de Jesus Cristo.
Carlos Alberto Silva, porta-voz da organização, lembra que a Procissão do Senhor dos Passos de Celeirós traz muitas pessoas à localidade, esperando-se que neste domingo “o tempo ajude” à realização deste evento religioso que deverá contar com uma das maiores adesões de sempre.
“Este ano teremos uma das maiores participações de sempre em termos de figurados”, avança Carlos Alberto Silva, referindo que se regista “muita mais procura” pelos trajes do que no ano passado, ano em que a procissão foi retomada após a paragem motivada pela pandemia.
Carlos Alberto Silva refere ainda que toda a logística já está no terreno para que domingo Celeirós viva uma grande tarde e só lamenta “que seja necessária tanta burocracia para realizar um evento que se repete todos os anos”,
“A organização é muito complicada, sobretudo porque é preciso papelada para a Câmara, para a E-Redes, para a Infraestruturas de Portugal... podiam descomplicar um bocadinho, porque é sempre tudo igual e já lá têm a documentação de uns anos para os outros. Seria uma ajuda importante”, desabafa.
Ainda segundo o porta-voz, este ano o presidente da Câmara, Municipal de Braga, Ricardo Rio, vai marcar presença nesta celebração.
Este ano, o pregador vai ser o padre João Alberto Correia.

Deixa o teu comentário

Banner publicidade

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho