Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Plano Municipal da Juventude construído de forma participada para os jovens do concelho
‘Energizarte’ instala arte em Crespos e Pousada

Plano Municipal da Juventude construído de forma participada para os jovens do concelho

Academia eSport nasce para ajudar a regulamentar a modalidade

Plano Municipal da Juventude construído de forma participada para os jovens do concelho

Vale do Ave

2019-12-06 às 13h13

Redacção Redacção

Primeira reunião da Comissão de Desenvolvimento do Plano Municipal da Juventude de Guimarães realizou-se esta quinta-feira.

Jovens de Guimarães e diversas instituições do concelho marcaram presença esta quinta-feira, 05 de dezembro, na Reunião da Comissão de Desenvolvimento do Plano Municipal da Juventude. “Pretendemos que este documento seja verdadeiramente participativo, com o envolvimento de todos, consciente que este não é o caminho mais fácil, mas o processo deve ser tão importante quanto o resultado final”, destacou a vice-presidente da Câmara Municipal.
 
Adelina Pinto alertou para a “definição de prioridades” e realçou a importância de contemplar medidas “para os jovens do território concelhio”. A vereadora com atribuição na área da Juventude explicou que “o território de Guimarães não é todo igual, assim como os nossos jovens têm interesses diferentes, logo é necessário ter em atenção ações diferentes para chegarmos aos jovens de todo o concelho de Guimarães”. Adelina Pinto considera que o Plano Municipal da Juventude deve ser pensado para o futuro, no sentido de ser uma “alavanca diferenciadora para definir as políticas de juventude” através de um amplo “processo de discussão” e que resulte em “medidas operacionais”. 
 
O Plano Municipal da Juventude conta com participação ativa na dinamização através da DYPALL e da Casa da Juventude de Guimarães, com um número alargado de momentos participados pelos jovens de todo o concelho.
 
Esta reunião teve como objetivo a composição de uma comissão de parceiros do projeto, a definição de áreas de estratégia para juventude, definição de novos instrumentos de consulta, além das auscultações que têm já decorrido nas CSIF’s e participação através de formas de comunicação em diferentes fases do projeto.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho