Correio do Minho

Braga, segunda-feira

Pavilhão da Universidade do Minho recebe mini-olimpíadas para alunos com Necessidades Educativas Especiais
Videomapping junta milhares no 103.º aniversário do Theatro Circo

Pavilhão da Universidade do Minho recebe mini-olimpíadas para alunos com Necessidades Educativas Especiais

Município entrega colecção de livros sobre Braga

Desporto

2018-03-14 às 06h00

Redacção

Pavilhão da Universidade do Minho, em Gualtar - Braga, recebe sexta-feira quarta edição das mini-olimpíadas para alunos com necessidades educativas especiais.

Na próxima sexta-feira, vai decorrer a quarta edição das mini- olimpíadas para alunos com Necessidades Educativas Especiais (NEE) das escolas do 1.º, 2.º e 3.º Ciclo e Secundário, do concelho de Braga.
As provas decorrem entre as 9 e as 13 horas, no Pavilhão da Universidade do Minho, Campus de Gualtar, e contam com a participação de 258 alunos de 12 Agrupamentos de Escola da rede pública do Concelho de Braga, da EB1 de Prado (Vila Verde) e da EB2,3 de Amares, prevendo- -se uma plateia com cerca de 350 assistentes/acompanhantes.

A iniciativa, desenvolvida pelo Município de Braga, conta com a colaboração dos parceiros sociais, Coordenação Local do Desporto Escolar de Braga, Coordenação da Escola de Boccia do Sporting Clube de Braga, Coop21, Universidade do Minho e Escola Profissional de Braga, e terá lugar tendo como mote Braga Cidade Educadora e Braga Cidade Europeia do Desporto, no âmbito do programa Aprender com a Diferença, visando a participação, interacção, solidariedade e respeito pela diferença dos alunos portadores de necessidades educativas especiais.
De acordo com Lídia Dias, vereadora da Educação da Câmara Municipal de Braga, o Município está atento à forma como a escola responde às necessidades dos seus alunos, sobretudo no que concerne à garantia de direitos e oportunidades e a um acesso pleno à educação, numa concepção de inclusão plena nos diferentes contextos de vida dos jovens com NEE.

Segundo a responsável, a educação para todos pressupõe uma sociedade que reflicta uma atitude inclusiva relativamente à diversidade e às necessidades específicas de todos os seus alunos, e que possibilite a sua participação sagaz. É pensando nesta participação activa que o Município promove esta e outras actividades e/ou programas que incidem no ensino e integração das crianças com NEE.
Para Lídia Dias, as Mini-olimpíadas são uma actividade promotora da equidade social, do desenvolvimento integral e do combate à discriminação individual e social, sublinhando que o número de alunos participantes nas mini-olimpíadas tem aumentado exponencialmente desde a primeira edição.

O evento de natureza lúdico-pedagógico-desportivo é composto de nove provas, tais como: vaivém com obstáculos, lançamento de bola medicinal 2 kg, saltos steps, lançamento do peso, corrida de velocidade, estafetas, voleibol sentado, lançamento de precisão e boccia. Além das provas mencionadas, os alunos também terão oportunidade de assistir aos testemunhos do presidente do Comité Paralímpico e do atleta paralímpico do Sporting Clube de Braga Mário Peixoto que apadrinha a efeméride.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.