Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Parlamento dos Jovens retoma sessões distritais através de videoconferência
“Portugal só depende de si para seguir em frente”

Parlamento dos Jovens retoma sessões distritais através de videoconferência

Bruno Wilson é reforço do FC Vizela por três temporadas

Parlamento dos Jovens retoma sessões distritais através de videoconferência

Braga

2021-04-13 às 06h00

Paula Maia Paula Maia

A EB2,3 Francisco Sanches acolheu ontem a sessão distrital de Braga, elegendo 5 deputados e um Projecto de Recomendação com o intuito de levar à Assembleia da República soluções para erradicar Violência Doméstica e do Namoro, tema desta edição.

Em vinte e cinco anos esta é a primeira vez que o Parlamento dos Jovens, uma iniciativa da Assembleia da República dirigida aos alunos do 2.º e 3.º ciclo básico e do ensino secundário com o objectivo de educar para a cidadania, estimulando o gosto pela participação cívica e política e dar a conhecer a Assembleia da República, se realiza através da videoconferência. Uma ferramenta que tornou possível a retoma dos trabalhos que foram interrompidos em Março de 20-20 por causa da pandemia, ainda o programa na fase de realização das sessões distritais, com algumas ainda por realizar. Foi o caso da sessão distrital de Braga que, ontem, foi retomada na EB 2,3 Francisco Sanches, contando com a presença do deputado do PSD Firmino Marques, antigo presidente da Junta de S. Victor, freguesia onde está inserido este estabelecimento de ensino.
‘Violência Doméstica e no Namoro: da Sensibilização à Acção’ é o tema desta edição, um tema escolhido pelos próprios estudantes e que coloca em debate entre os mais jovens um flagelo que está na ordem do dia e com forte expressão no território nacional.
As sessões distritais reúnem todos os deputados que representam as escolas de cada distrito ou região autónoma para aprovar os Projectos de Recomendação a submeter à Sessão Nacional do Parlamento dos Jovens (que decorre em Maio), elegendo os deputados que os vão representar nessa sessão.
Do distrito de Braga participaram 39 escolas dos concelhos de Braga, Guimarães, Famalicão, Barcelos, Cabeceiras de Basto, Vila Verde, Vieira do Minho, Celorico de Basto, Esposende e Vizela.
Dos 78 deputados (alunos) participantes, foram seleccionados cinco que representarão o círculo eleitoral de Braga e o respectivo Projecto de Recomendação.
Firmino Marques diz que o Parlamento dos Jovens “é uma fonte de conhecimento, participação, de atractividade que permite saborear o valor da democracia e reforçá-lo cada vez mais”, e que compreender como funciona o parlamento é muito importante, sobretudo entre esta faixa etária, “já que estes jovens podem, um dia, participar como deputado, aprendendo que na diversidade se constroem excelentes soluções para os nossos sonhos”
O deputado bracarense felicita também a escolha do tema desta edição. “É a discutir os problemas que se procura encontrar as melhores soluções para os erradicar”, assume Firmino Marques.
O deputado refere ainda que é através destes exemplos que se pretende “despertar” a consciência de cada, de forma cívica como é a participação de cada estudante e de cada escola, para os valores da cidadania.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho