Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
O sonho é mesmo real
Ludoteca da Estufa assume-se como um espaço multigeracional

O sonho é mesmo real

Projecto apoia cuidadores informais

O sonho é mesmo real

Desporto

2022-08-03 às 06h00

Ricardo Anselmo Ricardo Anselmo

Gilistas partiram para a Letónia com as malas carregadas de ambição. Cumpre-se um dia histórico na vida do clube. Presença nesta terceira ronda da prova rende 100 mil euros.

Citação

É, sem dúvida, um dos dias mais importantes dos 98 anos de vida do Gil Vicente. Os galos estreiam-se hoje nas lides europeias, num sonho que começa a ser cumprido a partir das 18 horas portuguesas, em Riga, capital da Letónia.
Foi com destino a este país do leste europeu, a quase quatro mil quilómetros de distância, que a comitiva barcelense embarcou, na manhã de ontem, com a ambição de fazer ainda mais história, alimentando e reforçando esse sonho de não ficar por aqui. O momento, único na vida do clube e também na maioria dos profissionais que nele trabalham, motivou a adaptação natural a uma realidade até há bem pouco tempo desconhecida.
“É um marco histórico na vida do Gil Vicente. Somos ambiciosos e encaramos esta eliminatória com ambição de vencer e de a ultrapassar. Temos o objectivo de seguir em frente nesta competição”, referiu Tiago Lenho, director desportivo dos gilistas, antes do embarque no voo charter com capacidade para 55 pessoas que o clube reservou - na comitiva, para além do presidente Francisco Dias da Silva, estão presentes também Mário Constantino, presidente da Câmara Municipal de Barcelos, e António Fiusa, antigo dirigente do emblema barcelense, que descreve este como “um momento há muito ansiado por todos os gilistas”, manifestando igualmente esperança de que o clube consiga sair vitorioso nesta eliminatória.
O voo rumo à Letónia descolou do Aeroporto Francisco Sá Carneiro pouco depois das 10 horas, com a equipa a aterrar em Riga por volta das 14 horas. Esta tarde, pelas 18 horas, os gilistas entram em campo, no Skonto Stadium, com capacidade para 9 mil espectadores, para esse encontro da primeira mão da terceira pré-eliminatória da Liga Conferência. O Riga FC, três vezes campeão da Letónia, já disputou 31 jogos oficiais na presente temporada.
“O Riga merece o nosso respeito. É de um nível competitivo diferente do nosso, mas com mais experiência neste contexto europeu. Vai ser um jogo muito difícil e competitivo”, completou Tiago Lenho, confiante de que a experiência de Ivo Vieira nestas andanças seja uma mais-valia para o clube.

Deixa o teu comentário

Banner publicidade

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho