Correio do Minho

Braga, terça-feira

Novo ano, escola nova em S. Lázaro
‘Cãominhada’ sensibiliza para adopção como resposta a abandono de animais

Novo ano, escola nova em S. Lázaro

Moreirense perde na deslocação a Tondela

Ensino

2018-08-16 às 07h00

Teresa M. Costa

EB1 DE S. LÁZARO está em obras de requalificação, mas estará em condições de acolher os alunos no arranque do novo ano lectivo, já no próximo mês. Mais atrasadas estão as obras no Centro Escolar de Esporões.

Os alunos da Escola Básica do 1.º ciclo (EB1) de S. Lázaro irão iniciar o novo ano lectivo nas renovadas instalações. É pelo menos neste sentido que estão a ser direccionados os trabalhos de requalificação da escola, aponta a vereadora da Educação da Câmara Municipal de Braga, Lídia Dias, que admite que a obra poderá não ficar totalmente concluída.
Na parte exterior, ainda haverá trabalhos a ser feitos, mas que não condicionam o arranque do ano lectivo, salvaguarda Lídia Dias.
O concurso para a requalificação da EB1 de S. Lázaro - com um orçamento de 1,2 milhões de euros - teve avanços e recuos, o que acabou por atrasar a obra e motivar a contestação de pais e encarregados de educação.
Os alunos, incluindo da unidade de multideficiência, estiveram, durante os últimos dois anos, em contentores instalados num dos espaços exteriores da escola-sede do Agrupamento André Soares.
O Centro Escolar de Esporões - que junta a EB1 e o Jardim de Infãncia - também está a ser alvo de obras de requalificação e ampliação, mas é já certo que não ficarão concluídas a tempo dos alunos aí poderem iniciar o novo ano lectivo.
Em causa estão atrasos na obra adjudicada por cerca de 700 mil euros.
Os alunos vão manter-se em contentores por, pelo menos, mais três meses, podendo a mudança acontecer ainda no decurso do 1.º período, admite a vereadora da Educação.
As férias lectivas estão a ser aproveitadas para a concretização de obras nos recreios de alguns estabelecimentos de ensino, a par de outros trabalhos de reparação.
São cinco as escolas cujos recreios estão a ser intervencionados, num investimento total a rondar os 270 mil euros, refere a responsável municipal pela educação, que descreve que os trabalhos passam por repavimentar e tornar os espaços mais aprazíveis com jogos.
A EB1 da Sé; a EB1 Quinta da Veiga; a EB1 de Crespos; a EB1 de Este S. Pedro e a EB1 de Lomar são os estabelecimentos cujos recreios estão a ser melhorados.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.