Correio do Minho

Braga,

- +
Novas infraestruturas de saneamento básico no Município de Esposende
Tiago Nunes triunfa em Castro Laboreiro

Novas infraestruturas de saneamento básico no Município de Esposende

Requalificação da EB do Carrascal avança em Agosto

Novas infraestruturas de saneamento básico no Município de Esposende

Cávado

2021-06-18 às 22h40

Redacção Redacção

Projecto “Interceptor de Vila Chã” está a ser construído ao longo do Ribeiro do Peralto, com uma extensão de 1.136 metros. Iniciativa do Município de Esposende e da Esposende Ambiente mantém, assim, a estratégia de realizar os trabalhos de infraestruturação de saneamento básico.

A fim de dar resposta ao apelo das populações para a ampliação do sistema de saneamento no concelho de Esposende, a empresa Águas do Norte, SA, entidade responsável pela drenagem e tratamento das águas residuais “em alta”, está a construir ao longo do Ribeiro do Peralto, em Marinhas, numa extensão de 1.136 metros, o denominado “Interceptor de Vila Chã”.

A primeira fase desta obra, cujo valor ascende a €115.697,82, tem um prazo de execução de três meses, e permitirá servir cerca de 80 habitantes da Rua 5 de Agosto, da Rua Fonte da Telha e da Rua da Ponte Nova, onde fará a interceção e recolha das águas residuais proveniente das redes de saneamento da Esposende Ambiente.

Numa segunda fase, este interceptor de águas residuais chegará à freguesia de Vila Chã, o que permitirá ao Município de Esposende e à Esposende Ambiente concretizar obras de infraestruturas de saneamento naquela freguesia.
Tendo subjacente o cumprimento dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da ONU, o Município de Esposende e a Esposende Ambiente mantém, assim, a estratégia de realizar os trabalhos de infraestruturação de saneamento básico, que permitirão alcançar os melhores indicadores ambientais e de serviço público.

A Águas do Norte integra o Grupo AdP – Águas de Portugal e iniciou a atividade a 30 de Junho de 2015 e, enquanto entidade concessionária do sistema multimunicipal de abastecimento de água e de saneamento do Norte de Portugal, em “alta”, é responsável pela captação, tratamento e abastecimento de água para consumo público e pela recolha, tratamento e rejeição de efluentes domésticos, urbanos e industriais em 63 Municípios que integram este sistema.

Assume ainda a exploração e gestão do sistema de águas da região do Noroeste, em “baixa”, que envolve oito municípios da região, reunindo numa única entidade gestora, os serviços de abastecimento de água e de saneamento de águas residuais em “alta” (prestados aos Municípios) e em “baixa” (prestados aos utilizadores finais, os munícipes), de forma regular, contínua e eficiente.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho