Correio do Minho

Braga, segunda-feira

Nascente do Rio Este e Serra dos Picos com percursos já homologados
S. Paio d’Arcos serviu Leitão em Brito para a primeira vitória

Nascente do Rio Este e Serra dos Picos com percursos já homologados

Esposende: Maior orçamento real de sempre dá andamento a várias obras e projectos

Braga

2018-08-09 às 12h00

Marta Amaral Caldeira

A estratégia é nova para o Município de Braga, mas a autarquia está empenhada em promover a cidade e o concelho também a partir da sua Natureza. Esse é o projecto da Rede de Percursos de Braga, que acaba de ver homologados mais dois dos trilhos.

Braga é cada vez mais apetecível para os turistas que procuram conhecer sobretudo o seu património religioso como a Sé Catedral ou o Bom Jesus do Monte, mas, hoje, o concelho dispõe de guias que permitem uma viagem única pelo seu património ambiental e paisagístico. Da cidade aos montes e vales, dos rios aos caminhos com história, a Rede de Percursos Pedestres de Braga exibe novas potencialidades turísticas.
Muitos destes percursos já se encontravam trilhados no meio da Natureza pelo Homem - um património imensurável que a Câmara Municipal de Braga quis ver valorizado e potenciado e, por isso mesmo, avançou com um projecto nesse sentido, criando uma rede de percursos que estivessem devidamente sinalizados e, consequentemente, homologados.
Ao todo são 26 os percursos pedestres desta rede bracarense que se estende de uma ponta à outra do concelho, cada um prometendo ao utilizador uma incursão pela mãe-Natureza e simultaneamente passando pelo património edificado que se vai encontrado durante o percurso, desde fontanários a capelas erguidas em ermos montes.
Destes 26 percursos identificados, sete estão sinalizados (com as marcas a traçar o caminho no terreno) e destes, há dois que estão já homologados pela Federação de Campismo e Montanhismo de Portugal, designadamente, o trilho ‘Por São Pedro de Oliveira’ (6,3 Km) e o trilho ‘Na Senda do Castelo de Penafiel de Bastuço’, em Passos S. Julião (10,2 Km) - cujos percursos foram já inaugurados e apresentados publicamente.
Neste novo projecto turístico para Braga, a Câmara Municipal está a trabalhar em parceria com a empresa Itineris - responsável pela elaboração dos respectivos guias e divulgação dos trilhos.
Refira-se que a Rede de Percursos Pedestres de Braga pode ser acompanhada também via GPS, já que todos se encontram georreferenciados. A Itineris desenvolveu uma aplicação móvel que pode ser descarregada, dando informações ao caminhante sobre o percurso e sobre todos os pontos de interesse que pode ir encontrando e descobrindo.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.