Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +
Na corrida a Capital Europeia da Cultura 2027
Guimarães aderiu ao compromisso ambiental da União Europeia “Green City Accord”

Na corrida a Capital Europeia da Cultura 2027

Processo da permuta de terrenos da Rodovia foi arquivado

Na corrida a Capital Europeia da Cultura 2027

Alto Minho

2020-11-24 às 12h00

Redacção Redacção

Viana do Castelo prepara candidatura “forte” a Capital Europeia da Cultura em 2027. O edil vianense justifica a forte identidade cultural, assente na etnografia, no traje e na cultura popular, mas também apoiada na sua cultura marítima costeira.

O presidente da Câmara de Viana do Castelo disse que o município está a preparar uma candidatura “forte” a Capital Europeia da Cultura em 2027, após a publicação ontem em Diário da República do aviso de convite àquela iniciativa.
“Estamos a preparar uma candidatura forte de Viana do Castelo alicerçada na sua forte identidade cultural, muito assente na etnografia, no traje e na cultura popular, mas também muito apoiada na sua cultura marítima costeira”, afirmou ontem à agência Lusa, o presidente da autarquia, José Maria Costa.
Contactado a propósito da publicação, em Diário da República, do convite à apresentação de candidaturas e regulamento interno para a eleição, em Portugal, da Capital Europeia da Cultura em 2027, o autarca realçou que, “desde a sua fundação, Viana do Castelo tem uma enorme tradição ligada ao mar”, apontando como exemplos “a pesca do bacalhau e a construção naval”.
“Temos um património ímpar e por isso pensamos que uma candidatura alicerçada nestes dois pilares será muito forte”, sublinhou.
José Maria Costa adiantou que a capital do Alto Minho “tem vindo a participar em reuniões com o Ministério da Cultura e nas quais marcaram presença outras cidades que também manifestaram intenção de se candidatar a Capital Europeia da Cultura, em 2027”.
“Estamos apenas a aguardar o convite de apresentação. Mal tenhamos acesso ao regulamento e a toda a documentação, iniciamos o dossier de candidatura", referiu.
Questionado pela Lusa, José Maria Costa explicou que o município irá concorrer sozinho, já que o regulamento não permite candidaturas conjuntas, como anteriormente equacionado.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho