Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Município de Celorico de Basto oferece fichas escolares
‘Memórias do Tempo’ no renovado Museu do Traje

Município de Celorico de Basto oferece fichas escolares

Surto em lar afecta infecta 53 utentes e 11 funcionário

Município de Celorico de Basto oferece fichas escolares

Vale do Ave

2020-09-25 às 14h14

Redacção Redacção

Medida abrange alunos do 1.º ciclo e visa a promoção do sucesso escolar, combate ao abandono escolar e apoio às famílias.

O Município de Celorico de Basto mantém, para o ano letivo que agora inicia, o apoio à comunidade escolar, fornecendo, de forma gratuita, as fichas escolares a todos os alunos do concelho que frequentem o 1.º ciclo. Esta medida dá seguimento a uma política que tem como objetivo assegurar a concretização plena do direito à educação e o êxito escolar, incrementar o investimento no capital humano e reforçar as medidas de coesão social. Em 2015, o Município de Celorico de Basto iniciou uma campanha de oferta dos manuais escolares, medida que viria, mais tarde, a ser adotada pelo governo. A iniciativa do governo não contempla as fichas escolares, pelo que o Município se decidiu pelo apoio com a oferta deste importante material de apoio a todos os alunos que cumulativamente, tenham residência e estudem numa escola do 1º Ciclo do Ensino Básico do concelho, independentemente da condição socioeconómica do respetivo agregado familiar.
Para Helena Martinho, coordenadora da ação social do Município, “hoje, mais do que nunca, é preciso ir ao encontro das grandes questões do presente e do futuro através das políticas sociais locais nas áreas da educação e da transmissão de conhecimento pelo que a aposta na educação, enquanto pilar para o desenvolvimento de uma sociedade, está em todos os dossiês da governação.”
Para Joaquim Mota e Silva, que esteve presente, ontem, no Centro Escolar da Vila, numa cerimónia simbólica de entrega destas fichas de trabalho aos alunos, “esta é uma medida importante para a nossa comunidade e é uma aposta no nosso maior valor – os mais jovens. O objetivo é de criar mecanismos, transparentes e eficazes, norteados pelos princípios de justiça social, equidade e de não discriminação, que deem corpo à política pública municipal de educação”.Na visão do autarca “este é também um importante sinal dado pelo Município, mostrando que em tempo de incertezas, a educação continuará a ser uma prioridade”.
A oferta das fichas de trabalho abrange um universo de 489 alunos e representa um esforço financeiro superior a 15.000€.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho