Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Mobilidade, habitação e apoio social
Covid-19: há mais internamentos, mas situação não é alarmante

Mobilidade, habitação e apoio social

Vice-presidente da Câmara entregou troféus aos vencedores da prova de Enduro que decorreu em Cabeceiras de Basto

Mobilidade, habitação e apoio social

Entrevistas

2021-09-22 às 06h00

Marlene Cerqueira Marlene Cerqueira

Seis candidatos disputam as eleições para a União de Freguesias de Maximinos, Sé e Cividade. Mobilidade, habitação, apoio social e espaço público sãos preocupações transversais a todos os candidatos, como ficou patente no debate promovido pelo Correio do Minho e a rádio Antena Minho, no Hotel Meliá Braga.

Mobilidade, habitação, espaço público e apoio social são principais preocupações partilhadas pelas seis candidaturas à União de Freguesias (UF) de Maximinos, Sé e Cividade. A expectativa em torno resultado eleitoral do próximo dia 26 de Setembro é grande, sobretudo depois do impasse criado com o resultado das últimas autárquicas que obrigou à formação de uma ‘geringonça’ para viabilizar a formação de um executivo para governar esta UF.
Os representantes das seis candidaturas tiveram oportunidade de apresentar e debater as suas ideias, no debate promovido pelo jornal Correio do Minho e pela rádio Antena Minho, no Hotel Meliá, em Braga. Foi um debate onde ficou demonstrado que são muitos os consensos entre as propostas da diferentes listas.
Domingos Veloso é o candidato da CDU à presidência da Junta, apresentando-se como “a verdadeira e única” oposição”, considera que “este debate mostrou isso mesmo”. No debate chamou a atenção sobretudo para a degradação da habitação nas zonas do Penedo e São Gregório e defendeu a aposta na área social, alertando para o envelhecimento da população da Cividade.
Márcia Soares é a aposta do Chega, partido que apresenta pela primeira vez uma candidatura a esta UF. Márcia Soares tem experiência autárquica, tendo integrado a candidatura da Coligação ‘Juntos por Braga’ em 2017. Vai a votos por constatar “que o Chega faz falta para resolver os problemas das pessoas da freguesia”, sobretudo relacionados com a mobilidade e com o apoio social. Entre outras medidas, defende que quem recebe RSI deve retribuir com algum trabalho para a freguesia.
Manuela Airosa Gonçalves é a candidata do Bloco de Esquerda à presidência desta UF. Por estar em isolamento profiláctico foi substituída neste debate por João Ferreira, membro da lista e defensor da tese de que a resolução de qualquer problema implica a reflexão sobre o que esteve na sua origem. “Sentiu-se a falta do BE nesta UF. Nós queremos trazer uma nova abordagem a esta UF, em pontos fulcrais como a mobilidade, o apoio social e o ambiente”, garantiu.
Já o Partido Socialista aposta em Marcela Dias para conquistar esta UF urbana. A candidata realça que o seu programa resulta “da auscultação da população no terreno”, trabalho que lhe permitiu perceber a necessidade de reforçar o apoio social em todas as suas dimensões. Aponta ainda a necessidade de implementar soluções que resolvam os problemas a nível da mobilidade.
Luís Pedroso espera nestas eleições ser eleito para o seu terceiro mandato como presidente de Junta, voltando a encabeçar a lista da Coligação ‘Juntos por Braga’. Confessa que “esperava mais” dos seus adversários, sobretudo em termos de propostas e considera que o debate mostrou que “há muito amadorismo” nas listas concorrentes, o que se percebe “pelas propostas que apresentam, sem fazer trabalho prévio de perceber se são exequíveis do ponto de vista legal e financeiro”.
Naquela que assume ser a sua última candidatura, João Seco Magalhães volta a ir a votos, liderando a lista independente ‘Servir Maximinos, Sé e Cividade’, que nas últimas autárquicas ficou em segundo lugar na UF, mas foi a mais votada em Maximinos. O candidato aposta sobretudo em obras no campo da mobilidade, com projectos elaborados, mas também com grande foco na vertente do apoio social. Em termos turísticos, promete apostar em realizar feiras francas.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho