Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Má entrada em campo e erros não ajudaram o SC Braga em Alvalade
Requalificação de três pavilhões desportivos e intervenções em escolas preparam sucesso do novo ano letivo em Viana do Castelo

Má entrada em campo e erros não ajudaram o SC Braga em Alvalade

Ministro do Ensino Superior destaca exemplo do IPCA na relação de confiança com a região

Má entrada em campo e erros não ajudaram o SC Braga em Alvalade

2019-08-19 às 06h00

Carlos Costinha Sousa Carlos Costinha Sousa

Derrota por 2-1 dos bracarenses em casa do Sporting fica marcada pela entrada muito frouxa em campo e os erros que permitiram os golos dos leões. Boa resposta na segunda parte não foi suficiente.

A derrota chegou no quarto jogo oficial. O SC Braga perdeu em Alvalde, por 2-1, num jogo em que sofreu pela entrada fraca em campo e pelos erros que permitiram os golos dos leões.
Início de jogo forte por parte da equipa da casa, que procurava ainda o primeiro triunfo na temporada e, perante os seus adeptos, sentia a pressão de começar bem o jogo. Já o SC Braga mostra-se algo amorfo, sem pressionar o Sporting e a permitir que os leões acabassem por tomar conta da partida.
Logo aos cinco minutos, o primeiro sinal de perigo para os leões, com Bruno Fernandes a rematar para defesa a dois tempos de Matheus. Aos 15 foi Coates a conseguir cabecear novamente para defesa de Matheus e na recarga algum sufoco na defesa bracarense até conseguir aliviar o esférico.
E na sequência desse lance, de um lançamento lateral, surgiu o golo do Sporting. Wendel conseguiu escapulir-se entre os defesas bracarenses para receber o passe de Luiz Phellype e rematar em jeito para o fundo das redes defendidas por Matheus, que nada conseguiu fazer para evitar os festejos leoninos.
Daqui para a frente só deu SC Braga que, até ao intervalo, teve várias situações e remates que levaram o perigo à baliza de Renan Ribeiro, que respondeu sempre de forma muito positiva, evitando o empate.
E a um minuto do fim dos primeiros 45, Bruno Fernandes aproveitou um erro clamoroso de Claudemir para recuperar ao bola no meio campo e avançar quase sem oposição para o 2-0, fixando o resultado ao intervalo.
Na segunda parte esperava-se a resposta do SC Braga e aconteceu mesmo, com os bracarenses a tomarem conta da partida, perante um Sporting mais expectante e a tentar controlar a vantagem que tinha. Aos poucos, os bracarenses assumiram o domínio do jogo e conseguiram ir incomodando a defesa do Sporting que, mesmo assim, a espaços ainda procurava criar perigo.
Mas aos 73 minutos, Wilson Eduardo encontrou o caminho das redes dos leões, reduzindo para 2-1. Ricardo Horta rematou com muita força ao poste e na recarga Wilson empurrou para relançar os bracarenses no jogo.
Até ao final da partida só deu Guerreiros do Minho, mas todo o esforço acabou por não ser suficiente para conseguir outro resultado. O Sporting abdicou completamente de tentar chegar com perigo à baliza defendida por Matheus e muito raramente conseguiu até passar do seu meio campo, defendendo com unhas e dentes o resultado.
Por sua vez o SC Braga tentou de todas as formas encontrar os caminhos para a baliza do Sporting, mas já não conseguiu mudar o rumo do jogo e acabou mesmo por sair derrotado de Alvalade por 2-1.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.