Correio do Minho

Braga, segunda-feira

‘Um Cibo no Prato’ traz a Braga a gastronomia de Trás-os-Montes
Júlia Ramalho e Amadeu Lemos distinguidos

‘Um Cibo no Prato’ traz a Braga a gastronomia de Trás-os-Montes

Videomapping junta milhares no 103.º aniversário do Theatro Circo

Economia

2016-04-23 às 11h35

Redacção

Um pedaço de Trás-os-Montes em Braga. Esta bem poderia ser uma das definições do restaurante ‘Um Cibo no Prato’ localizado em S. Victor, bem junto à igreja da Senhora-a-Branca. É num ambiente intimista e familiar que os irmãos Rui e Ana Neves - ele licenciado em Contabilidade e ela em Advocacia - presenteiam os bracarenses com as iguarias mais características da região transmontana, procurando oferecer aos seus clientes os saberes e sabores que marcaram a sua infância e juventude. Os produtos estão todos lá, basta sentar-se e deliciar-se.

Um pedaço de Trás-os-Montes em Braga. Esta bem poderia ser uma das definições do restaurante ‘Um Cibo no Prato’ localizado em S. Victor, bem junto à igreja da Senhora-a-Branca. É num ambiente intimista e familiar que os irmãos Rui e Ana Neves - ele licenciado em Contabilidade e ela em Advocacia - presenteiam os bracarenses com as iguarias mais características da região transmontana, procurando oferecer aos seus clientes os saberes e sabores que marcaram a sua infância e juventude. Os produtos estão todos lá, basta sentar-se e deliciar-se.

Inicialmente o espaço estava destinado a servir apenas tapas ou petiscos -sempre à base de produtos tipicamente transmontanos - mas os irmãos Neves decidiram acrescentar algo mais: “tentamos trazer a gastronomia, os produtos, os enchidos para este espaço”, diz-nos Rui Neves, ao mesmo tempo que nos mostra o apetitoso cardápio que oferece aos clientes. Entre as tapas e petiscos podemos saborear, por exemplo, as moelas, os pezinhos de coentrada, o azedo de Bragança, as alheiras, o fígado da matança, os cogumelos ou as cordozines.

Além disso, à hora de almoço é servido o prato do dia por 7,5 euros. À noite a refeição é baseada na carta da casa que tem três pratos fixos: a posta à mirandesa, a costela mendinha de vaca mirandesa e os secretos de porco bísaro. “Juntamente com estes vamos variando a ementa com, por exemplo, o butelo de Bragança, as casulas (feijão transmontano), as bochecas, o rojão, o fígado da matança. Algumas destas iguarias são sazonais, como é o caso do butelo ou o azedo de Bragança (enchido)”, afirma ainda Rui Neves.

Com a chegada do Verão o menu deste espaço irá também incluir saladas variadas.
O restaurante ‘Um Cibo no Prato’ integra o roteiro das Sugestões do Chef, iniciativa da Associação Comercial de Braga, em parceria como jornal Correio do Minho e a rádio Antena Minho, propondo como menu os Secretos de porco bísaro com puré de marmelo, grelo salteados e batata a murro a fingir, acompanhando por um copo de vinho verde ‘Socalcos do Bouro e, como sobremesa, o doce Tia Edite, uma receita de família. Duas refeições custam somente 20 euros. A promoção decorre até ao jantar de hoje.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.