Correio do Minho

Braga,

- +
Loja Social de Esposende “é um exemplo para o país”
Município de Braga investe 2,5 milhões em refeições escolares e apoio à família

Loja Social de Esposende “é um exemplo para o país”

Famalicão celebra Antoninas com muita música e exposições

Loja Social de Esposende “é um exemplo para o país”

Cávado

2021-05-11 às 06h00

Marlene Cerqueira Marlene Cerqueira

Em roteiro pelo Minho, Marcelo Rebelo de Sousa passou ontem por Esposende, onde visitou a Loja Social, uma resposta que considerou “ser um exemplo para o país”.

O Presidente da República agradeceu ontem, “em nome de todos os portugueses”, o contributo que é dado pela Loja Social de Esposende, “que é um contributo muito importante para Esposende, para a região, mas sobretudo é um exemplo para o país”.
Marcelo Rebelo de Sousa falava na visita que realizou à Loja Social de Esposende, um projecto do Município local que possibilita o acesso a bens de primeira necessidade por parte das famílias do concelho que comprovadamente apresentem carências socioeconómicas, bem como a possibilidade de troca de todo o tipo de bens à comunidade em geral.
O Presidente da República explicou que ficou com curiosidade de conhecer no terreno esta Loja Social depois de lhe ter entregue um prémio, realçando não só o mérito desta Loja Social como facto de esta ser um resposta implementada por um Município, um projecto que não visa apenas a solidariedade, mas que incorpora também a componente da sustentabilidade. “Valeu a pena vir aqui para perceber porque tinham recebido aquele prémio”, admitiu.
O Presidente da República destacou ainda que em alturas de crise, como aquela que atravessamos devido à pandemia, é fundamental que exista solidariedade e ser o próprio município a promover uma resposta com este espírito é de louvar e é diferenciador - afirmou.
O presidente da Câmara de Esposende, Benjamim Pereira, explicou a Marcelo Rebelo de Sousa que a Loja Social “é um projecto solidário muito importante” para o Município, realçando que ele visa ajudar realmente as pessoas enquanto precisam e não numa lógica de assistencialismo permanente. A ajuda é dirigida efectivamente a quem precisa e durante o período em que precisa.
O edil assumiu que este projecto “é uma referência a nível nacional”, revelando que tem havido outras câmaras municipais a visitar o projecto com o intuito de o replicar.
Em Esposende, Marcelo visitou ainda uma sociedade agrícola. O momento foi aproveitado pela Associação dos Produtores de Leite de Portugal (Aprolep) para pedir a intervenção de Marcelo Rebelo de Sousa no que diz respeito aos preços do leite, à redução das ajudas da PAC e à imagem negativa do sector.
Em nota à imprensa, a Aprolep saúda a visita de Marcelo Rebelo de Sousa a uma sociedade agrícola, pedindo a atenção e intervenção do Presidente da República sobre “alguns dos temas que mais preocupam os agricultores e produtores de leite”.
A associação realça o preço do leite e os custos de produção, destacando que “em Fevereiro de 2021, o preço médio ao produtor foi 30 cêntimos/kg, o terceiro mais baixo da Europa”, não havendo qualquer indicação de subida desse preço, enquanto em Dezembro de 2020 o preço da ração começou a subir.
A Aprolep pede ainda atenção para a redução das ajudas da PAC, salientando que este instrumento tem contribuído para mitigar o preço baixo do leite, ao longo dos anos.
No entanto, no final de 2020, a associação diz ter sido confrontada “com perspectivas que apontam uma enorme redução dessas ajudas anuais”, sendo que “tem sido apontada pelo Ministério da Agricultura a hipótese de compensar essa redução com um ajuste dos pagamentos ligados e a introdução de ‘eco-regimes’, mas nada está definido e a preocupação do sector é grande face à incerteza sobre o orçamento disponível para essas medidas”.
A Aprolep referiu ainda que “é também preocupante a imagem negativa da agricultura e da pecuária nas escolas e na comunicação social”, lamentando que os agricultores sejam “injustamente acusados de ser a principal fonte de poluição do solo, das águas e de maltratar os animais”.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho