Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Lar de idosos em Moure acusado de lesar Segurança Social
Famalicão: Campanha 'Produto que é nosso' prolongada até 23 de Agosto

Lar de idosos em Moure acusado de lesar Segurança Social

Aproveite a ida à piscina e à praia fluvial também para ‘mergulhar na leitura’

Lar de idosos em Moure acusado de lesar Segurança Social

Casos do Dia

2020-05-23 às 16h31

Redacção Redacção

O Ministério Público (MP) acusou de burla tributária cinco responsáveis de uma instituição particular de solidariedade social (IPSS) em Moure, Vila Verde, por alegadamente incluir nas listagens enviadas à Segurança Social falsos utentes do lar de idosos.

O Ministério Público (MP) acusou de burla tributária cinco responsáveis de uma instituição particular de solidariedade social (IPSS) em Moure, Vila Verde, por alegadamente incluir nas listagens enviadas à Segurança Social falsos utentes do lar de idosos.

O MP considerou indiciado que, com aquela conduta, a IPSS obteve indevidamente da Segurança Social 163.727,93 euros, pelo que promoveu que os arguidos sejam condenados a pagar solidariamente aquele valor ao Estado.
A IPSS também é arguida no processo, pelo mesmo crime.
Segundo a acusação, os arguidos são presidente, vice-presidente, tesoureiro, secretário e directora técnica da IPSS, reportando-se os factos aos anos entre 2013 e 2017.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho