Correio do Minho

Braga, sábado

- +
Jovens desafiados a apostarem na carreira de investigador
Alto Minho renova certificação europeia de destino sustentável

Jovens desafiados a apostarem na carreira de investigador

Novo bispo apresentado no Dia de S. Geraldo

Jovens desafiados a apostarem na carreira de investigador

Ensino

2022-10-01 às 06h00

Miguel Viana Miguel Viana

Actividades experimentais em várias áreas de conhecimento deram a conhecer o trabalho dos investigadores da Universidade do Minho na Noite Europeia dos Investigadores.

Citação

Centenas de jovens passaram ontem pela Noite Europeia dos Investigadores, no Altice Forum Braga. Coordenado pela Escola de Ciências da Universidade do Minho (UMinho) e pelo INL (Laboratório Ibérico de Nanotecnologia). o evento teve como finalidade captar os jovens para a carreira de investigador universitário.
“Esta iniciativa atrai os nossos jovens para a importância da investigação. Se têm uma boa universidade aqui ao lado, porque razão hão de ir para outra? Isto é estratégico e fundamental”. disse Hernâni Geroz, vice-presidente da Escola de Ciências da UMinho.
O responsável acrescentou que a sociedade civil tem vindo a aproximar-se do mundo da ciência. particularmente desde a pandemia do Covid-19.
“A população em geral ficou bem consciente da importância da ciência no bem-estar da humanidade. Foi um paradigma que se mudou. Os cientistas nunca tiveram tanta visibilidade como agora. Temos, agora, que ter contrapartidas do Governo para manter estes jovens cientistas no nosso país”, defendeu Hernâni Geroz.

O reitor da UMinho, Rui Vieira de Castro, considerou que esta actividade mostra “o que se passa nas nossas unidades de investigação”.
Outra das finalidades, destacada pelo reitor da UMinho foi “mostrar aos mais jovens que a actividade de investigação é uma actividade em que podem antecipar o seu futuro profissional. Ficaria muito satisfeito se muitos destes jovens pudessem ser investigadores da Universidade do Minho.”
O presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, marcou presença na sessão de abertura da Noite Europeia dos Investigadores e destacou que o município põe em prática muito do conhecimento partilhado pela UMinho.
“Este evento é o testemunho da qualidade de uma das nossas mais prestigiadas instituições. Braga tem registado um crescimento económico muito importante, assente na inovação. Temos feito a aplicação de mui-ta da investigação em contexto de gestão urbana, o que é uma mais-valia para a cidade. Isso acaba por ser um estímulo para que mais jovens bracarenses possam enveredar por uma carreira de investigação”, apontou Ricardo Rio.
A iniciativa contou com as presenças dos departamentos da Escola de Ciências (Química, Biologia, Física e de Matemática) e de investigadores da Escola de Engenharia e do INL.

Este ano a Noite Europeia dos Investigadores teve como tema ‘Ciência para Todos - Sustentabilidade e Inclusão’.
Nas várias experiências que realizaram, os jovens tiveram contacto com micro-cápsulas biodegradáveis anti-mosquitos activadas por luz solar, fibras naturais para materiais de construção, os efeitos dos protectores solares nos oceanos, o impacto dos plásticos no solo, na água e no ar, e com leveduras que ajudam a produzir fármacos, aditivos alimentares e biocombustíveis.
Participaram também em quizzes’ (questionários que permitem avaliar conhecimentos) sobre genética humana, alterações climáticas, estudos de Química e a biodiversidade marinha e em ‘workshops’ sobre como construir um detector de partículas e de cosmética natural.

Deixa o teu comentário

Banner publicidade
Tudo bons rapazes
Desporto

Tudo bons rapazes

03 Dezembro 2022

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho