Correio do Minho

Braga, sábado

- +
Jovens apresentam ideias para desenvolvimento do concelho
Campeonato Regional de Velocidade do Norte Realizado na Ilha do Ermal

Jovens apresentam ideias para desenvolvimento do concelho

Valença com 3,8 milhões para investir na habitação

Jovens apresentam ideias para desenvolvimento do concelho

Vale do Ave

2024-05-18 às 06h00

José Paulo Silva José Paulo Silva

Assembleia Municipal dos Jovens de Vieira do Minho reuniu ontem. Estudantes assumiram o papel de autarcas e apontaram prioridades para o futuro do concelho.

Citação

O apoio a empresas locais de distribuição de produtos alimentares, criação de patrulhas ecológicas com recurso a aluguer de rebanhos de gado caprino para a limpeza de áreas florestais, programação de cinema e outras actividades de ar livre e o aproveitamento de resíduos florestais, nomeadamente a cera produzida com a apicultura, foram algumas das recomendações aprovadas ontem na Assembleia Municipal dos Jovens de Vieira do Minho, iniciativa que decorreu nos Paços do Concelho, no âmbito das comemorações dos 50 anos do 25 de Abril.
Alunos do Agrupamento de Escolas Vieira de Araújo, representados pelos ‘partidos’ Cravos de Abril, Grândola Vila Morena, Liberdade e Capitães de Abril, protagonizaram um exercício de cidadania, recriando uma sessão da Assembleia Municipal, com a aprovação de quatro moções com sugestões para a intervenção da Câmara Municipal.
Cidadania activa, preservação dos recursos naturais, políticas sociais e empreendedorismo foram as áreas consideradas prioritárias pelos jovens vieirenses num plenário que contou com as presenças e Jorge Correia Jesuíno, que foi ministro da Comunicação Social em 1975, e do tenenente coronel Manuel Pinto da Costa, presidente da Assembleia Municipal de Vieira do Minho.
O presidente da Câmara Municipal, António Cardoso, acolheu as recomendações da Assembleia Municipal dos Jovens, considerando que as mesmas correspondem também a prioridades do executivo municipal.
O director do Agrupamento de Escolas Vieira de Araújo,?Fernando Gomes, apontou a Assembleia Municipal dos Jovens como “uma rajada de G3 na indiferença dos jovens em relação à política”, desejando que “a Câmara Municipal dê o melhor andamento às propostas” que ontem foram aprovadas.
O partido ‘Capitães de Abril’ sugeriu mais apoios aos produtores de castanha e cogumelos do concelho, nomeadamente ao nível do acesso a circuitos de comercialização. enquanto o grupo de alunos que formou o partido ‘Liberdade’ propôs o aproveitamento da cera produzida nas colmeias para produção de panos de conservação de alimentos reutilizáveis e ecológicos.
O partido ‘Grândola Vila Morena’ recomendou, entre outras acções no âmbito das políticas sociais, espaços de convívio intergeracionais, enquanto a bancada de ‘Cravos de Abril’ defendeu o aproveitamento das desactivadas casas da Guarda Florestal em postos de observação dos cavalos garranos, equídeos característicos da Serra da Cabreira.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho