Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
João Henriques: “Não se pode pôr em causa o carácter dos meus jogadores”
Coligação PSD - CDS/PP volta a unir forças para disputar autárquicas em Famalicão

João Henriques: “Não se pode pôr em causa o carácter dos meus jogadores”

Montalegre faz três anos de terra Património Agrícola Mundial

João Henriques: “Não se pode pôr em causa o carácter dos meus jogadores”

Desporto

2021-02-26 às 06h00

Miguel Machado Miguel Machado

João Henriques afirma que a equipa do Vitória está empenhada em regressar aos triunfos já no jogo desta noite, diante do Boavista, que abre a 21.ª jornada da I Liga.

Sem ganhar há cinco jogos, mais afastados do lugar que dá o acesso às provas europeias, e depois do puxão de orelhas público do presidente do clube, é um Vitória SC ‘sob brasas’ aquele que vai entrar hoje em campo para medir forças com o Boavista, na partida de arranque da 21.ª jornada da I Liga. Apesar do ambiente tenso, o treinador João Henriques mantém a serenidade e confiança plena nos seus jogadores.
“Nunca se pode pôr em causa o carácter dos meus jogadores. A responsabilidade é só nossa. Ninguém vai vencer por nós. Vai ser um jogo de grau de dificuldade igual a todos os outros. O foco e a ambição são sempre os mesmos: jogar para ganhar cada jogo. Não há nada de novo. Há uma grande vontade de vencer, corrigir as coisas menos boas que foram feitas”, afirmou João Henriques na antevisão da partida desta noite, marcada para as 20.30 horas horas, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães.

Este jogo com o Boavista, marca também uma volta completa para o treinador João Henriques ao comando do Vitória SC, pois foi com este adversário que se estreou-se e com uma vitória, por 1-0, no Bessa. Um reencontro que não espera fácil, deixando elogios à formação axadrezada agora liderada pelo experiente Jesualdo Ferreira.
“O Boavista tem boas individualidades e orientada por um dos melhores treinadores portugueses de sempre, Jesualdo Ferreira. Os quatro pontos que fizeram nos últimos dois jogos (2-2 com o FC Porto e vitória sobre o Moreirense por 1-0) devem ser a nossa referência para este jogo. É uma equipa competitiva, muito difícil de ultrapassar. Só um Vitória com a melhor competência poderá ultrapassar o Boavista”, avisou.
Sobre o alcance dos objectivos traçados para esta época, o treinador João Henriques diz que continuam a ser o apuramento para a Liga Euro-pa e que a equipa vai dar tudo por isso.
“O Vitória quer estar nos lugares de acesso à Liga Europa. O Vitória não vai jogar para ficar no sétimo, no oitavo, no nono ou no 10.º lugar. Esses lugares não nos interessam. Vai lutar para vencer todos os jogos e pelo melhor lugar possível, desde o primeiro ao último que dá acesso à Europa”, frisou o treinador.

“Sou um treinador tranquilíssimo”

Após a derrota em Paços de Ferreira, o presidente do Vitória SC, Miguel Pinto Lisboa, veio publicamente exigir uma resposta imediata e pedir responsabilidades à equipa liderada por João Henriques pelo ciclo menos positivo de cinco jogos sem vencer no campeonato.
Confrontado com as declarações do presidente, João Henriques mostrou-se tranquilo quanto ao seu futuro.
“Não temos de comentar as declarações do presidente. Só dizer mais isto. No dia em que cheguei, foram essas as palavras que ouvi: responsabilidade e rigor. Ouvi isso no primeiro dia, no segundo, no terceiro. Foi tornada pública uma mensagem diária no nosso grupo de trabalho. Estou tranquilíssimo. A mesma confiança foi transmitida no primeiro dia em que cheguei. É a mesma mensagem que tem sido passada diariamente. Sabemos onde queremos ficar no final e é esse o nosso foco. Vamos cumprir com as exigências do clube, e com as internas do grupo. Vamos estar no sítio em que merecemos estar.”

Quaresma não vai jogar com Boavista

O treinador do Vitória revelou ainda que o internacional português, Ricardo Quaresma, não vai ser opção para esta partida com o Boavista. O extremo não recuperou de um traumatismo no joelho direito, sofrido na véspera do jogo do último domingo, em Paços de Ferreira.
Este será o primeiro jogo do campeonato em que o internacional português de 37 anos não será convocado.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho