Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Joana Vasconcelos desafiada a criar escola de canoagem no concelho
Ponte de Lima requalifica Centro Cívico de Gemieira

Joana Vasconcelos desafiada a criar escola de canoagem no concelho

Equipa da UMinho descobre nova levedura nos Açores

Joana Vasconcelos desafiada  a criar escola de canoagem no concelho

Cávado

2020-09-30 às 09h00

Patrícia Sousa Patrícia Sousa

Homenagem do Município de Amares à canoísta Joana Vasconcelos aconteceu ontem de manhã. Presidente desafiou a jovem a criar uma escola de canoagem no concelho que a acolheu há alguns anos e a visitar escolas para dar o testemunho de “campeã”.

Porque “não é todos os dias” que há campeões nacionais e mundiais, o Município de Amares homenageou ontem a canoísta Joana Vasconcelos. A residir em Amares, a jovem, que venceu as medalhas de ouro e de bronze na Taça do Mundo de Canoagem, aceitou o desafio do município e “porque não” criar um escola de canoagem no concelho.
“A Joana é uma mulher de armas, de sacrifício e de luta e conseguiu atingir os objectivos”, começou por aplaudir o presidente da autarquia, mostrando uma “enorme satisfação e gratidão do povo de Amares”. Manuel Moreira reforçou “o orgulho” que todos os amarenses sentem na jovem que escolheu Amares para viver. “São estas alegrias que fazem de nós mais responsáveis e ter mais vontade de trabalhar”, confidenciou o autarca. E por falar em trabalho, Manuel Moreira lançou dois desafios à jovem: “gostava de criar aqui uma escola de canoagem e um dia destes podias passar pelas nossas escolas, porque os nossos alunos têm que conhecer a nossa campeã”.
Ter a “ícone da canoagem” a treinar nas águas do Rio Cávado em território amarense também é outro desejo do presidente.
Também o vereador do Desporto da Câmara Municipal de Amares, João Esteves, mostrou--se “vaidoso” por ter uma campeã mundial no concelho. A homenagem que coincidiu com a realização da Semana do Desporto e da Juventude, que está a ser promovida pelo município, não podia ter “melhor exemplo para os jovens”.
João Esteves reiterou o desafio do presidente, acreditando que seria “muito importante” ter Joana Vasconcelos como “embaixadora” da escola.
A jovem agradeceu o gesto do município, admitindo que “é um gosto” ser amarense e levar o nome de Amares para todo o mundo. “Os resultados do fim-de-semana são muito importantes para mim, num ano atípico que só participei em duas provas nacionais e uma internacional”, contou a jovem atleta, que se prepara agora para o apuramento para os Jogos Olímpicos, onde quer dar “muitas alegrias” aos portugueses.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho