Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Ivo Vieira: “Enquanto for matematicamente possível, vamos continuar a lutar”
CAVI da Pais-em-Rede apoiou 72 pessoas ao longo do primeiro ano de actividade

Ivo Vieira: “Enquanto for matematicamente possível, vamos continuar a lutar”

Festas de Nossa Senhora da Lapa vividas em formato digital

Ivo Vieira: “Enquanto for matematicamente possível, vamos continuar a lutar”

Desporto

2020-07-14 às 06h00

Joana Russo Belo Joana Russo Belo

Vitória SC viu as contas da Liga Europa complicarem-se após a última derrota, mas o técnico Ivo Vieira garante que não baixam os braços. Frente ao Benfica, o técnico diz que vão jogar para ganhar.

Enquanto, matematicamente, for possível, a luta por um lugar europeu continua na mira do Vitória SC. A garantia foi deixada pelo treinador Ivo Vieira, na antevisão ao jogo desta noite no Estádio da Luz, frente ao Benfica. As contas complicaram-se na última jornada com a derrota caseira no dérbi com o Gil Vicente, mas o técnico diz não baixar os braços.
“Como sempre, vamos encarar o jogo para tentar fazer o nosso melhor. E o nosso melhor é tentar ganhar o jogo. Ainda não estamos arredados, mas o último resultado não nos ajudou a alimentar o objectivo da Liga Europa. Enquanto for matematicamente possível, vamos continuar a lutar por pontos”, sublinhou, admitindo esperar um adversário forte.
“Vai ser um Benfica difícil. Sabemos que os resultados não têm sido os melhores, mas a valia está lá, a organização está lá, a qualidade está lá. O Benfica vale muito mais do que o que tem feito. Nós, Vitória, também valemos muito mais do que o que temos feito. Não nos vamos deixar iludir pela ideia de que o Benfica não está assim tão forte. O Benfica é sempre forte”, frisou, acrescentando a necessidade de estarem atentos ao jogo interior das águias.
Caso o Vitória SC roube pontos aos encarnados - em caso de empate ou triunfo - o FC Porto, líder da competição, com 76 pontos, sagra-se automaticamente campeão, ainda antes de receber o Sporting - jogo agendado para amanhã - mas o técnico não se mostrou “interessado” na possível “festa”.
“Não me compete entrar em festas, nem comentar festas seja de quem for. Temos de lutar pelo resultado. Tudo que não envolva o que é o jogo não me diz nada", rematou.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho