Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Isabel Carvalhais passa a membro efectivo da Comissão das Pescas
Investigadores do CEB integram rede Europeia para promover a Inovação em Tecnologia da Água na Região Norte

Isabel Carvalhais passa a membro efectivo da Comissão das Pescas

Município de Barcelos aprova apoios sociais e culturais

Isabel Carvalhais passa a membro efectivo da Comissão das Pescas

Nacional

2020-02-12 às 06h00

Marlene Cerqueira Marlene Cerqueira

Isabel Estrada Carvalhais passou a membro efectivo da Comissão de Pescas do Parlamento Europeu. Eurodeputada minhota esteve nos Açores para contactar com representantes dos pescadores.

Na sequência do Brexit e da recomposição do Parlamento Europeu, a eurodeputada minhota Isabel Estrada Carvalhais passou de membro suplente a membro efectivo da Comissão das Pescas do Parlamento Europeu.
Manifestando-se “muito satisfeita com esta passagem a membro efectivo”, Isabel Estrada Carvalhais refere que esta alteração “espelha a importância que Portugal tem no grupo dos Socialistas e Democratas (S&D) do Parlamento Europeu”.

Citada em comunicado, a eurodeputada explica que esta alteração permite-lhe “ter mais poder negocial” nos documentos em que vai trabalhar na Comissão, “em defesa da sustentabilidade da exploração dos recursos, sem nunca esquecer a protecção social de todos os trabalhadores da pesca, com especial atenção para as mulheres envolvidas directa ou indirectamente em toda a Economia Azul”.

E recorda que assume o mandato na Comissão das Pescas num momento em que estão em discussão vários dossiês “muito importantes”, nomeadamente o Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos e das Pescas (FEAMP) para 2021-2027, que se encontra em negociações com o Conselho Europeu, e o Regulamento de Controlo da Actividade da Pesca para o qual está a ser preparada a posição do Parlamento Europeu até ao próximo Verão, com vista a posterior negociação com o Conselho de Ministros Europeu.

Entretanto, a eurodeputada visitou, na semana passada, o arquipélago dos Açores, numa jornada de trabalho que teve como pretexto as pescas e o mar e que lhe permitiu contactar de perto com as autoridades locais e representantes dos pescadores.
No programa de três dias de visita, a eurodeputada teve ainda oportunidade para conhecer as especificidades dos Açores no âmbito da agricultura.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho