Correio do Minho

Braga, sábado

- +
Inclusão social e tradições com palco principal durante vindimas limianas
Uma tarde para todos experimentarmos “Os Vestidos do Tiago” no CCVF

Inclusão social e tradições com palco principal durante vindimas limianas

Alto Minho renova certificação europeia de destino sustentável

Inclusão social e tradições com palco principal durante vindimas limianas

Cávado

2022-09-23 às 06h00

Fábio Moreira Fábio Moreira

A ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA de Ponte de Lima, em colaboração com a Associação dos Amigos da Pessoa Especial Limiana, realizou uma vindima com um grupo de pessoas com deficiência, promovendo a inclusão social e as tradições das vindimas.

Citação

A manhã solarenga que fez sentir ontem em Ponte de Lima proporcionou umas belas horas de animação nas vinhas da Escola Superior Agrária de Ponte de Lima (ESA-IPVC). A instituição levou a cabo, no seu último dia de vindimas, uma acção de inclusão social, proporcionando aos utentes da Associação dos Amigos da Pessoa Especial Limiana o contacto directo com o campo, levando-os a participar nas vindimas.
Ana Cristina Rodrigues, sub-directora da ESA-IPVC, garantiu que a escola tem todo o gosto em realizar este tipo de actividades que, para além de promoverem a inclusão social das pessoas portadoras de deficiências, também promovem a manutenção das tradições da vindima nesta região e na sua respectiva comunidade local.
“A direcção da nossa escola tem muito gosto em acolher esta associação nesta actividade de vindimas, que fazemos todos os anos. Pretendemos integrar nesta acção, para além da comunidade académica, toda a comunidade limiana. Isto enquadra-se na nossa missão enquanto escola. Temos uma responsabilidade social enquanto escola e é com muito gosto que acolhemos este grupo e espero que tenha sido um dia agradável para todos”, começou por dizer a sub-directora da Escola Superior Agrária de Ponte de Lima.
Ana Cristina Rodrigues confessou ainda a Escola Superior Agrária de Ponte de Lima tem uma boa relação com a AAPEL e que esperam que esta seja a primeira de muitas vindimas com foco na inclusão social.
“É a primeira vez que a AAPEL está a colaborar connosco nas vindimas, mas já temos vindo a realizar vários tipos de acções de inclusão social. É uma relação que a ESA valoriza muito. Tem vindo a ser feito um trabalho continuado ao longo dos anos para que as pessoas portadoras de algum de tipo de deficiência se sintam incluídas na sociedade. Ultimamente, temos vindo a dar um maior destaque a este tipo de acções, mas é algo que já temos vindo a realizar há muito tempo”, confessou a sub-directora.
A responsável da ESA sublinhou ainda a importância de manter as tradições da vindima vivas na comunidade.
“Esta iniciativa procura manter as tradições da vindima vivas em todos os seus participantes, mas também procura que as pessoas com deficiência se sintam uma parte integrante da sociedade e que possam ter este contacto sensorial com a natureza, com as vinhas, dando-lhes assim a possibilidade de terem um dia diferente do habitual”, notou Ana Cristina Rodrigues.

Deixa o teu comentário

Tudo bons rapazes
Desporto

Tudo bons rapazes

03 Dezembro 2022

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho