Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Impacto na economia será “muito violento e duro”
Vizela apresenta projecto de requalificação do Largo da Igreja de S. Paio

Impacto na economia será “muito violento e duro”

“Estamos a passar por uma fase menos exuberante”

Impacto na economia será “muito violento e duro”

Cávado

2021-03-03 às 06h00

Patrícia Sousa Patrícia Sousa

Miguel Costa Gomes, presidente da Câmara Municipal de Barcelos, realçou ontem a descida do número de infectados, de cidadãos em isolamento e de mortes.

Apesar de neste momento ainda “não ser fácil” quantificar o impacto da pandemia na economia, o presidente da Câmara Municipal de Barcelos acredita que será “muito violento e duro”. Miguel Costa Gomes, que falava ontem aos jornalistas por videoconferência, realçou ainda a descida do número de infectados, de cidadãos em isolamento e de mortes no concelho.
“Só depois do confinamento é que poderemos ter dados mais concretos para saber o impacto real que esta pandemia teve no comércio, nos serviços e até na própria indústria”, constatou Miguel Costa Gomes, prevendo, “infelizmente”, que o impacto seja “grande”. “Mas acredito que o Governo está atento e haverá aqui medidas de mitigação e para minimizar estes impactos”, referiu.
Miguel Gosta Gomes adiantou que “haverá micro empresários que não vão aguentar a situação por força deste encerramento forçado e isso trará consequências complicadas”. O Governo tem vindo a anunciar o reforço de medidas, mas o presidente diz ser importante perceber “a quem chegam, como chegam e se são suficientes”. Miguel Costa Gomes foi peremptório: “não me parecem ser suficientes”.
Mas há mais. Miguel Costa Gomes alertou ainda para as moratórias. “As moratórias estão suspensas, mas vai chegar à altura que terão de ser liquidadas. Depois temos de fazer ainda um balanço das consequências do lay off, que também está a esconder algumas situações mais graves”, atirou.
Sobre os apoios às famílias do concelho, o presidente garantiu que não estão a ser regateados esforços financeiros para dar resposta aos pedidos. “Através das juntas de freguesia ou até directamente com a câmara estamos a responder aos pedidos com cabazes”, contou o autarca, adiantando ainda que algumas cantinas estão a funcionar e a dar as refeições aos alunos.
Ainda na videoconferência com os jornalistas, Miguel Costa Gomes evidenciou a descida dos números de cidadãos infectados, de pessoas em isolamento e de mortes nas últimas semanas, referindo que “quer o confinamento quer o comportamento dos cidadãos estão a corresponder ao que é o combate eficaz da evolução da pandemia”.
Neste momento, o concelho conta com 262 cidadãos infectados, estando 167 em vigilância, o que no total dá 429, sendo que a semana passada os números de infectados e de pessoas em isolamento estavam em 635. “Conseguimos uma descida de 206 pessoas infectadas ou em isolamento”, aplaudiu Miguel Costa Gomes, lamentando, no entanto, mais cinco mortes esta semana, contabilizando 145 mortes no concelho desde o início da pandemia.
O Centro de Vacinação já começou a trabalhar em pleno na semana passada e já foram vacinados 2108 cidadãos, divididos entre as prioridades que estão definidas: os cidadãos com mais 80 anos e também as pessoas com outras patologias a partir dos 50 anos até os 64 anos. “No início da vacinação houve dificuldades, porque as pessoas apareciam antes da hora marcada, mas neste momento está tudo resolvido”, assegurou Miguel Costa Gomes, deixando o apelo para os cidadãos responderem às mensagens das autoridades de saúde. “O Agrupamento de Centros de Saúde já está a fornecer a lista com nomes, moradas e contactos e, em sintonia com os presidentes de junta, estamos a contactar as pessoas para não perderam a oportunidade de serem vacinadas”, frisou.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho