Correio do Minho

Braga,

Homem de Serzedelo com pena suspensa por violência sobre a mãe
EPATV: intensa pedalada ambiental pelos centros escolares de Vila Verde

Homem de Serzedelo com pena suspensa por violência sobre a mãe

Comunidades vão criar e gerir agenda com o apoio do município de Famalicão

Casos do Dia

2018-11-07 às 20h00

Redacção

O Tribunal Judicial de Guimarães condenou hoje a três anos e meio de prisão, com pena suspensa, um homem de Serzedelo, Póvoa de Lanhoso, por violência doméstica sobre a mãe, uma invisual de 61 anos.

O Tribunal Judicial de Guimarães condenou hoje a três anos e meio de prisão, com pena suspensa, um homem de Serzedelo, Póvoa de Lanhoso, por violência doméstica sobre a mãe, uma invisual de 61 anos.
O arguido, de 29 anos, vai ainda ter de pagar uma indemnização de 5.000 euros à mãe.
Fica também proibido de manter contactos com a mãe durante três anos e terá de frequentar um programa específico de prevenção de violência doméstica.

Segundo o tribunal, os maus-tratos infligidos pelo arguido à mãe perduraram durante um ano e traduziram-se em injúrias, agressões físicas e extorsões.
O colectivo de juízes sublinhou a elevada ilicitude da conduta do arguido, mas decidiu suspender a pena, considerando que ele não tem antecedentes criminais, que confessou integralmente os factos e que manifestou arrependimento.
O arguido foi detido em Julho pela GNR, depois de ameaçar de morte a mãe e de destruir à marretada vários móveis de casa.

Levado a tribunal, para primeiro interrogatório, o juiz proibiu-o de manter contactos com a mãe, mas permitiu que ficasse a morar na casa dela, mas em pisos diferentes.
O arguido estava acusado de violência doméstica, extorsão e injúria agravado, mas o tribunal condenou-o apenas pelo primeiro crime.
Os juízes consideraram que o crime de extorsão “foi consumido” pelo de violência doméstica.
Quanto ao crime de injúrias, a mãe do arguido desistiu, entretanto, da queixa.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.