Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
Guimarães cria equipa de apoio às escolas
Ponte de Lima Aprovou a Empreitada de “Requalificação do Largo de Freixo”, pelo valor de 330.793€

Guimarães cria equipa de apoio às escolas

Estudantes exigem apoios para o Ensino Superior

Guimarães cria equipa de apoio às escolas

Vale do Ave

2020-10-22 às 06h00

Paula Maia Paula Maia

CRIADA pela ARS-Norte em articulação com o Ministério da Saúde, equipa vai intervir na situação epidemiológica da comunidade escolar.

Está constituída a primeira equipa multidisciplinar de saúde para o concelho de Guimarães que vai apoiar as escolas no sentido de intervir, com todos os dados de informação, sobre a situação epidemiológica da comunidade escolar.
A equipa foi criada formalmente pela ARS-Norte, em articulação com o Ministério da Saúde.
“Com o acesso a estes dados do Ministério da Saúde é permitido uma intervenção directa e mais eficaz, através do conhecimento das pessoas ou famílias afectadas pela pandemia”, explicou Domingos Bragança, acrescentando que a falta de informação disponibilizada pelas autoridades de saúde limita a capacidade de apoio e resposta do Município.
Assim, através do diálogo com o Ministério da Saúde foi atendida a proposta para a criação de equipas multidisciplinares em Guimarães. “Estas equipas têm acesso à informação, sendo lideradas pela Autoridade de Saúde Pública, integrando a Protecção Civil Municipal, para actuar nas diversas áreas. Pretendemos ter várias equipas multidisciplinares, mas a primeira equipa multidisciplinar é para dar resposta à comunidade escolar – trabalhando com os agrupamentos escolares e a Delegada de Saúde – seguindo as redes de contágio e procedendo às comunicações com as famílias no âmbito do apoio administrativo e técnico para libertarem os médicos da saúde pública de trabalho logístico e administrativo e aumentar-se a capacidade de resposta aos problemas da comunidade”, explicou o autarca.
Paralelamente a estas equipas multidisciplinares, em Guimarães já está formada e em funcionamento a bolsa de profissionais, em contínuo recrutamento, para apoio aos lares e à estrutura municipal de retaguarda, instalada no Seminário do Verbo Divino, num processo desenvolvido em conjunto com a Segurança Social e a Cruz Vermelha.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho