Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Guerreiras do Minho falham assalto à final da Taça da Liga
Divulgação do VIII Torneio Internacional Cidade de Famalicão

Guerreiras do Minho falham assalto à final da Taça da Liga

Eixo Atlântico permite “juntar e somar vontades diferentes”

Guerreiras do Minho falham assalto à final da Taça da Liga

Desporto

2021-03-04 às 15h00

Miguel Machado Miguel Machado

Derrota inglória em Alcochete afastou o SC Braga de ir à final da Taça da Liga Feminina pela segunda época seguida. Golo de Laura Luís foi insuficiente... Sporting vai defrontar o Benfica na final.

A equipa feminina do SC Braga não conseguiu carimbar a sua segunda presença consecutiva na final da Taça da Liga. As Guerreiras do Minho perderam ontem, nas meias-finais, com o Sporting por duas bolas a uma, em encontro realizado na casa das leoas.
Duelo na Academia de Alcochete foi resolvido na segunda parte, com golo da leoa Ana Capeta, aos 71 minutos, depois de empate (1-1) no final dos primeiros 45 minutos.
A formação bracarense entrou com personalidade na partida e podia ter inaugurado o marcador logo no primeiro minuto, mas a guarda-redes do Sporting fez uma boa defesa após remate da norte-americana Keane.
Num jogo bem disputado, as leoas acabaram por ser mais felizes à meia hora, adiantando-se no resultado num golo de belo efeito da central Nevena Damjanovic, com um remate desferido da pequena lua que entrou no ângulo superior da baliza da guardiã arsenalista Hourihan.
Já sem a avançada Keane, que deixou o jogo lesionada, as Guerreiras do Minho conseguiram restabelecer a igualdade antes do intervalo. Um golo apontado por Laura Luís, que saltou do banco com a corda toda e fez um golaço aos 41 minutos, na sequência de uma jogada de contra-ataque das bracarenses, conduzida por Myra Delgadillo.
Encontro intenso e equilibrado em Alcochete deixou tudo em aberto para a segunda parte, onde equipa de Miguel Santos voltou a entrar mais forte, e com grande pendor ofensivo. Faltou eficácia às Guerreiras do Minho, e contra a corrente do jogo sofreram o segundo golo, aos 70 minutos, num cabeceamento de Ana Capeta após cruzamento de Raquel Fernandes.
Ainda com vinte minutos para se jogar, o SC Braga foi em busca do empate, mas faltou melhor discernimento no ataque, com as leoas a aguentarem o ‘chuveirinho’ dos minutos finais.
Na final da segunda edição da Taça da Liga, a 17 de Março, o Sporting vai encontrar o Benfica, detentor do troféu e que tinha afastado o FC Famalicão, por 3-0, em 27 de Janeiro.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho