Correio do Minho

Braga, sábado

Funicular de Viana transportou 25 mil em Julho
Comissão Europeia visita Misericórdia de Vila Verde

Funicular de Viana transportou 25 mil em Julho

Henedina Antunes em grupo europeu de doença celíaca

Alto Minho

2017-08-12 às 11h13

Redacção

MAIS DE 900 MIL PASSAGEIROS já utilizaram o funicular de Viana do Castelo desde a sua abertura em Abril de 2007. A câmara municipal adianta ainda que só no mês de Julho foram 25.302 aqueles que usufruíram do equipamento.

O funicular que liga Viana do Castelo ao monte de Santa Luzia, contíguo àquela cidade, transportou, só no mês de Julho 25.302 pessoas, informou ontem a Câmara Municipal de Viana do Castelo.
Em comunicado, aquela autarquia adiantou que, desde que reabriu ao público, em 2007, após obras de substituição de cabos e de manutenção, o funicular foi utilizado por 900 mil passageiros.
O equipamento emblemático, que tem um percurso de 650 metros que leva cerca de oito minutos a completar, sendo considerado o mais extenso do género no país, voltou a assegurar as ligações entre o centro da cidade e o monte de Santa Luzia, em junho, depois de uma paragem de cerca de um mês para trabalhos de manutenção.
Em 2013 e 2014, o funicular de Santa Luzia conquistou o prémio ‘Infraestrutura Ferroviária’, atribuído pela Luisfer - Estudos e Realizações Ferroviárias, entidade que envolve a CP Entusiastas, pela Associação Portuguesa para o Desenvolvimento dos Sistemas Integrados de Transportes e pela Associação Portuguesa dos Amigos dos Caminhos de Ferro.
Esteve abandonado entre 2001 e 2007, até que a autarquia investiu 2,5 milhões de euros na sua aquisição e reabilitação.
Foram compradas duas carruagens novas, foi remodelada a linha e as estações, além da construção de um passeio ao longo de toda a via para facilitar o acesso pedonal em situações de emergência.
Cada uma das duas carruagens tem capacidade para 25 pessoas, 11 das quais sentadas, sendo a viagem realizado a uma velocidade de dois metros por segundo.
Com 160 metros de desnível e 25 por cento de inclinação média, o elevador de Santa Luzia dispõe agora de três fontes de energia diferentes (eléctrica, gerador e bateria) e de quatro sistemas de travagem, sendo a segurança precisamente uma das características da renovação realizada.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.