Correio do Minho

Braga, sábado

- +
Festival Entre Cidades passa por Braga
Prozis investe na expansão da produção na Póvoa de Lanhoso

Festival Entre Cidades passa por Braga

Prémios Viana de Lima distinguem mérito de alunos de Belas Artes e Arquitectura

Festival Entre Cidades passa por Braga

Braga

2021-05-01 às 10h14

Redacção Redacção

Entre Maio e Junho, as cidades de Braga, Matosinhos e Régua recebem o Festival Entre cidades. Estão agendados 81 espectáculos diversos.

O Festival Entre Cidades vai decorrer em três fins-de-semana de Maio a Julho e apresentar 81 espectáculos de música, poesia, dança e teatro, gratuitos e em locais ao ar livre, nas cidades de Braga, Matosinhos e Régua.
Este projecto resulta “da união de esforços de municípios, associações, profissionais de cultura, instituições públicas e privadas e artistas numa lógica descentralizadora, criando uma sinergia entre Matosinhos, Peso da Régua e Braga, privilegiando o património natural, cultural e artístico dos três territórios para usufruto dos públicos do norte do país”, de acordo com informação ontem disponibilizada pela organização.
A 15 e 16 de Maio, o festival arranca nas três cidades, com 27 espectáculos distribuídos por dois dias. Nos fins-de-semana de 19 e 20 de Junho e 17 e 18 de Julho ocorrem os itinerários de partilha cultural, com a programação a rodar pelas cidades e cada conjunto de 27 espectáculos viaja para a cidade seguinte.

No fim-de-semana de 19 e 20 de Junho, os artistas de Matosinhos vão a Braga, os de Braga vão à Régua e Matosinhos recebe os artistas da Régua, no fim- de-semana de 17 e 18 de Julho a Régua vai a Braga, Braga vai a Matosinhos e Matosinhos vai à Régua.
Na música, apresentam-se propostas tão diversas como a Orquestra Jazz de Matosinhos (com a participação de Manuel Cruz em Braga e Régua, e de Manuela Azevedo em Matosinhos), Angélica Salvi, A Pedreira, Emmy Curl, Marem Ladson, Bié, Bala, Cody XV e St. James Park.

Na poesia e ‘spoken word’, estão incluídas as vozes de Stray, Ana Deus, Vítor Hugo Ribeiro - L Pertués, Marília Miranda Lopes, ‘Albas’ por Marta Ferreira e ‘Entre mim e o meu silêncio’ por Marta Moreira.
As performances e a dança sobem ao palco por Filipe Moreira, Paulo Mota, Ent’Artes – Escola de Dança, ‘Fora do Lugar’ da Urze Teatro, ‘RES NULLIUS’ por Gabriela Barros e ‘Lugar em Branco’ por Carolina Vieira.
O teatro entra em cena com Manuel Tur, Diana Sá, Angel Fragua - ‘Stand Down’, ‘Conto Contigo’ da Peripécia Teatro, ‘Auto da Barca do Inferno’ pela Companhia de Teatro de Braga e ‘Familia Vroculis’ por Tin.Bra.
Em Matosinhos, os espectáculos têm lugar no Jardim do Monumento ao Senhor do Padrão, no Museu da Quinta de Santiago, no Adro da Igreja de Matosinhos e na Casa da Arquitectura.

No Peso da Régua, serão o Jardim do Museu do Douro, o anfiteatro exterior da biblioteca municipal, a Ecopista Ribeirinha e o AUDIR - Auditório Exterior a receber os espectáculos.
Em Braga, os espectáculos decorrem no átrio exterior do Museu D. Diogo de Sousa, no Jardim do Museu D. Diogo de Sou- sa auditório, no Parque da Ponte.
A entrada é livre em todos os espectáculos, mas o acesso será limitado ao número de espectadores permitido por recinto, de acordo com as normas de segurança sanitária definidas pela Direcção-Geral da Saúde e pelo Governo.
A programação e produção em rede destes diversos espectáculos é da responsabilidade da Saco Azul Associação Cultural/ Maus Hábitos, da Cosmic Burger de Braga, do Club de Vila Real e da Câmara Municipal de Matosinhos.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho