Correio do Minho

Braga, sábado

- +
Feira do livro contou com mesa de debate de jovens escritores
S. Tiago da Cruz reabilita Largo Senhor dos Aflitos

Feira do livro contou com mesa de debate de jovens escritores

Nova PAC é mais rigorosa do ponto de vista ambiental

Feira do livro contou com mesa de debate de jovens escritores

Braga

2021-07-22 às 06h00

Redacção Redacção

Iniciativa promoveu o trabalho literário de quatro jovens da cidade que desenvolveram três obras literárias. O objectivo do debate foi enaltecer a arte da escrita e motivar futuros escritores.

Realizou-se ontem, no Altice Fórum Braga, integrado na programação da 30.ª Feira do Livro de Braga 2021, o Espaço Tertúlia, uma mesa de debate de jovens escritores.
O evento foi organizado pela Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva(BLCS).
Segundo Ainda Alves, a directora da BLCS, “estamos permanentemente a nível das bibliotecas escolares a tentar incentivar os jovens à leitura e, por outro lado, à componente da escrita”. Assim, a iniciativa surgiu com o objectivo de levar até à Feira do Livro uma mesa temática que mostrasse à juventude a maturidade que muitos jovens já assumem na escrita literária.
Neste sentido, “pedimos aos professores das escolas de Braga que nos ajudassem a identificar algum potencial de escrita ou alguém que já tivesse escrito ou publicado”, refere a dirigente.
Assim, o debate contou com a presença de Hugo Valério, que juntamente com a irmã, Beatriz Valério, lançaram ‘O Livro dos avós’. Depois, Cátia Vieira, que estudou Estudos Portugueses e frequentou o Doutoramento em Modernidades Comparadas, na Universidade do Minho e que lançou o seu livro ‘Lola’. Por fim, esteve também presente a estudante Ana Carolina Marquês, que está a desenvolver um romance desingado de ‘O recomeço’.
Hugo Valério falou do desenvolvimento do seu projecto, em conjunto com a sua irmã, explicando que o livro surge em homenagem aos avós, pessoas “que parecem ter sempre solução para os nossos problemas”. O jovem continuou enaltecendo a importância destes familiares na nossa vida, refletindo sobre “a falta que eles nos fazem no mundo”. O escritor refere também que, no futuro, esperam conseguir publicar o livro em suporte de papel mas, até lá, o mesmo está disponível em Ebook, na Fnac.
Cátia Vieira falou também da sua obra, começando por explicar que, inicialmente, escrevia num registo académico, mas a sua “grande paixão” sempre foi a escrita literária. Quanto ao processo de escrita, a jovem escritora assumiu que “a história parte sempre de algo que conhecemos. Ainda assim, tem de haver conscistência na narrativa, para que o leitor se sinta dentro da história , havendo união entre aquilo que conhecemos e a ficção”. O seu livro está disponível em qualquer livraria, e a personagem princpal vive numa luta permanente entre aquilo que é, aquilo que gostaria de ser e aquilo que os outros esperam dela.
Em conversação sobre as referências literárias de cada jovem, Ana Carolina Marquês destacou o seu gosto pela escrita de So-phia de Mello Breyner Andresen. “Adoro a maneira como ela escrevia, essencialmente a nível narrativo”, afirma. Já Hugo Valério confessa que, desde muito pequeno, foi estimulado à leitura pela mãe. “Eu adorava a colecção de ‘Uma Aventura’, li todos os livros. Hoje em dia, leio mais sobre áreas técnicas que me dispertam interesse”, refere o jovem.
O evento foi marcado por citações de reflexão do autor João Tordo, tendo sido o fim da conversa marcado por um delas: “Se queres ser escritor, prepara-te para ficar de coração partido”.
No fim foi dada a palavra ao público. Nas intervenções, as pessoas felicitaram os jovens autores pelas suas conquistas.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho