Correio do Minho

Braga,

- +
Executivo aprova hoje tarifário reduzido para transportes públicos
Férias na Areia com muita segurança

Executivo aprova hoje tarifário reduzido para transportes públicos

Minho dominou itens estatísticos da I Liga

Executivo aprova hoje tarifário reduzido para transportes públicos

Cávado

2020-02-17 às 11h00

Redacção Redacção

Proposta contempla limite máximo de 20 euros para todos os passes sociais. Maioria social-democrata quer ainda alargar a gratuitidade do transporte escolar aos alunos universitários bolseiros.

A Câmara Muncipal de Vila Verde vota hoje o tarifário reduzido para os transportes públicos, medida que visa diminuir o valor de todos os passes sociais dos transportes rodoviários, com origem na área do Município e com destino nos distritos de Braga e Viana do Castelo, para um limite máximo de 20 euros.
 A medida está enquadrada nos objectivos do Programa de Apoio à Redução do Tarifário dos Transportes Públicos (PA- RT) de fomento dos transportes colectivos e de garantia de uma maior acessibilidade económica ao transporte público, concorrendo, assim, para uma maior qualidade ambiental e para reduzir as despesas familiares neste capítulo.
Com a mesma proposta, a autarquia vilaverdense pretende aproveitar este programa para levar a bom porto uma política pública de mobilidade tendente a reforçar as coesões territorial e social no concelho.
No pressuposto de que “os hábitos de mobilidade devem ser criados e incrementados, em especial, no público juvenil e universitário”, a maioria social-democrata propõe-se ainda alargar a gratuitidade do transporte escolar ao ensino universitário, para todos os alunos contemplados com bolsa de estudo, sendo que aos demais estudantes o Município comparticipará os custos de deslocação, de modo a que os encargos com os respectivos passes rodoviários tenham também um custo máximo de 20 euros.
O presidente da Câmara de Vila Verde enfatiza a sensibilidade da edilidade em relação às questões ambientais, assim como os esforços que estão a ser feitos para potenciar a coesão social e para atenuar as assimetrias territoriais no concelho.
“O estímulo à utilização de transportes públicos, com custos extremamente reduzidos para as famílias vilaverdenses, serve o duplo objectivo de preservação do equilíbrio ambiental e de consolidação de políticas activas de apoio social, ao mesmo tempo que, a par da atribuição de bolsas de estudo, proporciona o acesso de um crescente número de jovens ao ensino superior”, diz António Vilela.
O vereador do ambiente, Patrício Araújo, considera que, “além das vantagens de melhoria da qualidade ambiental, a medida potencia a formação de bons hábitos futuros na utilização de transportes públicos “que ajudará ainda a melhorar a fluidez do trânsito e a combater a exclusão social”.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho