Correio do Minho

Braga, segunda-feira

Escola de Fermil quer acolher cursos Técnicos Superiores Profissionais
Natação: SC Braga conquistou o primeiro lugar no Torneio de Inverno de Absolutos

Escola de Fermil quer acolher cursos Técnicos Superiores Profissionais

Intervenção profunda na faixa da Rodovia promete alterar completamente a mobilidade em Braga

Vale do Ave

2017-02-17 às 11h21

Redacção

A Escola Profissional de Fermil (EPFermil) pode vir a acolher, no próximo ano lectivo, cursos Técnicos Superiores Profissinais na área agrícola. A novidade foi transmitida pela secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Maria Fernanda Rollo, numa visita que efectuou à escola, em Celorico de Basto.

A Escola Profissional de Fermil (EPFermil) pode vir a acolher, no próximo ano lectivo, cursos Técnicos Superiores Profissinais na área agrícola. A novidade foi transmitida pela secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Maria Fernanda Rollo, numa visita que efectuou à escola, em Celorico de Basto.

Maria Fernanda Rollo deslocou-se à Escola Profissional de Fermil (EPFermil) para se inteirar ‘in locco’ das condições das instalações do estabelecimento de ensino e conhecer a abertura da direcção sobre a possibilidade de virem a ser ministrados na escola Cursos Técnicos Superiores Profissionais.
Os cursos seriam leccionados por instituições do ensino politécnico, nas próprias instalações da EPFermil, em Celorico de Basto.

Fernando Fevereiro, director da EPFermil, transmitiu à secretária de Estado “uma grande abertura” para acolher esse tipo de formação superior de curta duração, argumentando que “seria extremamente importante que os nossos alunos, e não só, após concluírem o 12.º ano, tivessem aqui uma continuidade, a nível de ensino superior, do seu percurso profissionalizante”.
Além disso, continua o director, “a Escola Profissional de Fermil dispõe de óptimas condições, tanto para a aprendizagem como para a residência dos alunos”.

A EPFermil possui uma exploração agrícola com mais de 23 héctares, o que permite aos alunos adquirirem competências nas áreas relacionadas com os respectivos cursos, e dispõe ainda de sistema de internato para alunos e professores.
Os Cursos Técnicos Superiores Profissionais são classificados como cursos de nível 5 do Quadro Europeu de Qualificações e do Quadro Nacional de Qualificações.

Com uma duração de dois anos curriculares, o plano de formação integra as componentes de formação geral e científica, formação técnica e formação em contexto de trabalho. Os titulares de um Diploma de Técnico Superior Profissional podem prosseguir os estudos de Licenciatura.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.