Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Escola Básica Francisco Sanches desafia pais a apostarem numa alimentação saudável
Vizela no segundo congresso iberoamericano de Turismo

Escola Básica Francisco Sanches desafia pais a apostarem numa alimentação saudável

Mart'Nália trouxe o samba a Ponte da Barca

Escola Básica Francisco Sanches desafia pais a apostarem numa alimentação saudável

Ensino

2021-10-20 às 12h00

Miguel Viana Miguel Viana

Actividade comemorativa do Dia Mundial da Alimentação juntou mais de 30 pais e encarregados de educação na Escola Básica Francisco Sanches, que descascaram, cada um 10 maçã.

Cerca de três dezenas de pais, avós e encarregados de educação participaram ontem nas comemorações do Dia Mundial da Alimentação, na Escola Básica Francisco Sanches.
A actividade teve como tema ‘Maçãs descascadas cascas aproveitadas’ e foi organizada pelo Clube de Hortofloricultura e Ciências Naturais. O objectivo foi o de incentivar os alunos dos 5.º e 6.º anos a consumirem refeições saudáveis, com a ajuda dos pais e encarregados de educação. “A alimentação é um tema pertinente e que temos que levar muito a sério. O objectivo é promover uma alimentação saudável e incentivar as crianças a comer fruta”, explicou Francisco Martins, responsável pelo Clube de Hortofloricultura da EB Francisco Sanches.
A coordenadora dos professores de Ciências Naturais, Cristina Cibrão, destacou que o aproveitamento dos alimentos é um tema que capta os alunos durante as aulas. “Os alunos é que incentivaram os pais para virem, para incrementar o consumo de fruta. Nas aulas trabalhamos contra o desperdício e é uma forma de trabalhar a sustentabilidade. Falamos da dieta mediterrânica, com consumo de fruta e le- gumes”, frisou Cristina Cibrão.
O director da Escola, Arlindo Sousa recordou a importância de trazer os pais e encarregados de educação à escola. “É sempre importante os pais participarem na escola. A formação do cidadão é um fundamento da escola e o trabalho que a escola possa fazer só tem bom resultado com a colaboração dos pais. Se esta formação não começar em casa é impossível que eles (os alunos) adquiram os hábitos alimentares correctos”, disse Arlindo Sousa.
Cada pai, avô/avó e/ou encarregado de educação teve de descascar 10 maçãs. Com as cascas foi feito chá de maçã e canela, e as maçãs descascadas serviram para confeccionar marmelada e doce de maçã. Estes produtos foram distribuidos pelos alunos e respectivas famílias. No fim, os pais estavam satisfeitos por participar na actividade. “É sempre bom vir à escola. Os meninos gostam de ver os pais. Em casa fazemos a reciclagem e a compostagem”, disse Berta Santos.
Isabel Martins encarou a actividade como “uma maneira de incentivar a uma alimentação mais saudável e de interagirem mais com alimentos saudáveis”.
Valdemir Ferreira realçou que estes eventos são “importantes para os nossos filhos. Eu acompanho a minha filha e fazemos uma alimentação saudável”.
Juliana Gerardes indicou que a actividade “estimula os alunos a comerem fruta de forma divertida e mostra que o importante não é ganhar, mas alimentar-se bem”. Suzane Mello realçou que no Brasil não existe este tipo de actividades mas “foi muito legal participar”. As avós Sameiro Pereira e Maria da Conceição recusam-se a dar “porcarias” aos netos e evitam “o açúcar e aposta- mos na fruta e legumes”.
Os pais vencedores do concurso de descascar maçãs foram: Berta Santos (do 5.º 4), Fátima Pereira (do 6.º 4) e Isabel Martins (do 5.º 1).

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho