Correio do Minho

Braga, segunda-feira

Equipa técnica de articulação educativa já acompanhou centenas de alunos
Extraordinário concerto encerra Bienal Internacional de Flauta Transversal na Igreja do Mosteiro de S. Miguel de Refojos

Equipa técnica de articulação educativa já acompanhou centenas de alunos

Novo ano traz música e instalações ao gnration

As Nossas Escolas

2018-08-21 às 06h00

Teresa M. Costa

Equipa técnica de articulação educativa é um dos dois projectos de promoção do sucesso escolar que o Município de Braga tem no terreno e que já acompanhou algumas centenas de alunos.

A equipa técnica de articulação educativa (ETAE) já interveio nas 12 escolas básicas do 2.º e 3.º ciclos do concelho de Braga, no ano lectivo transacto, acompanhando centenas de alunos.
Esta equipa técnica, constituída por psicólogos e técnicos superiores de educação, corporiza mais um projecto integrado no plano inovador de combate ao insucesso escolar da Comunidade Intermunicipal do Cávado (CIM Cávado) que está a ser desenvolvido pelo Município de Braga.
Tal como o projecto ‘Saber crescer’, direccionado para o 1.º ciclo, a equipa técnica de articulação educativa foi para o terreno no 3.º período do ano lectivo transacto, direccionando-se para os alunos com mais dificuldades referenciados pelas próprias escolas.

A vereadora da Educação da Câmara Municipal de Braga, Lídia Dias, sublinha que já existe um diagnóstico, fruto do trabalho realizado na fase final do ano lectivo, mas também já houve intervenção directa, o que permite às equipas dos dois projectos “terem um conhecimento da realidade das escolas”.
As equipas tiveram a possibilidade de interagir com os responsáveis das escolas, com os professores e de intervir em casos concretos, destaca Lídia Dias, garantindo que “as equipas têm sido muito bem recebidas”.
Apesar dos projectos só terem arrancado no último período lectivo, “está a ser muito positivo” antecipa a responsável municipal da Educação.
Para Lídias Dias, a mais-valia dos dois projectos de promoção do sucesso escolar é complementarem-se.
São projectos a três anos, sendo objectivo, ao longo dos três anos, abarcar todas as escolas e deixar contributos para quem está no terreno poder continuar com a intervenção, aponta a vereadora da Educação.

Um plano inovador centrado no combate ao insucesso escolar

O Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar da Comunidade Intermunicipal do Cávado prevê a implementação de 16 projectos municipais e três intermunicipais de combate ao insucesso escolar, num investimento global que ultrapassa os quatro milhões de euros.
Os projectos municipais e intermunicipais implementados na área do Cávado incluem medidas como a contratação de recursos humanos (equipas multidisciplinares), aquisição de equipamentos e recursos educativos digitais, actividades de enriquecimento curricular que promovam experiências artísticas, culturais e desportivas, promoção dos níveis de literacia, como a leitura, escrita, ciências experimentais e digitais.

Da lista de projectos constam também o reforço dos materiais didático-pedagógicos ao dispor das escolas para gerar experiências de sucesso escolar, implementação de programa de educação para o empreendedorismo e acções de capacitação da rede educativa do Cávado.
O processo foi liderado pela CIM Cávado e resultou da cooperação estreita e empenhada dos seis municípios e respectivos Agrupamentos de Escola e Escolas não Agrupadas da NUT III Cávado, na definição e concertação de uma estratégia centrada no combate ao insucesso escolar.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.