Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Distrito de Braga com quase mais 5000 desempregados do que em 2019
Município de Ponte de Lima continua a apoiar ensino à distância

Distrito de Braga com quase mais 5000 desempregados do que em 2019

PSD confirma 13 candidatos a Câmaras do Minho

Distrito de Braga com quase mais 5000 desempregados do que em 2019

Economia

2021-01-24 às 06h00

Marlene Cerqueira Marlene Cerqueira

Em Dezembro, estatísticas do IEFP mostram que o desemprego continua a descer no distrito, mantendo a tendência dos meses anteriores. Porém, na comparação com 2019, apenas há mais quase cinco mil desempregados.

Apesar de o número de desempregados inscritos nos centros de emprego ter descido em Dezembro, em comparação com Novembro, o distrito de Braga terminou o ano de 2020 com quase mais cinco mil pessoas sem trabalho do que no final de 2019.
De acordo com o mais recente relatório divulgado pelo IEFP, o distrito de Braga contabilizava no fim de Dezembro de 2020 um total de 30.086 desempregados, menos 830 do que no mês anterior.
No entanto, em comparação com o mês homólogo de 2029, o distrito regista mais 4745 inscritos nos centros de emprego.

Foi na capital de distrito que o desemprego mais desceu em Dezembro. O concelho de Braga registava, no último dia do ano, 7081 desempregados, menos 296 do que em Novembro.
Porém, em comparação com o mesmo mês de 2019, o concelho conta com mais 821 pessoas sem trabalho.
Segue-se Guimarães, que terminou 2020 com 6594 desempregados, menos 93 do que em Novembro. Contudo, em comparação com o mês homólogo de 2019, o concelho vimaranense contabiliza mais 1048 desempregados.
Foi em Famalicão que mais aumentou o número de desempregados na comparação com 2019. O concelho registava no final de Dezembro último 4586 desempregados, menos 192 do que em Novembro, mas mais 1193 do que em Dezembro de 2019.

Barcelos segue a tendência dos outros concelhos do Quadrilátero Urbano. Terminou 2020 com 2603 desempregados, menos 97 do que em Novembro, mas mais 4040 do que em Dezembro de 2019.
Fafe ainda entra no ‘top 5’ dos concelhos com mais inscritos no IEFP: registava 2188, no último dia de Dezembro de 2020, menos 23 do que em Novembro. Na comparação com Dezembro de 2019, há mais 365 desempregados.
Segue-se Vila Verde, que fechou o ano com 1318 desempregados, mais 182 do que em 2019. Na comparação com Novembro, regista menos 61 inscritos no IEFP.
Vizela conseguiu chegar ao fim de Dezembro de 2020 com menos de mil desempregados: 980, menos 71 do que em Novembro. Porém, são mais 209 pessoas sem trabalho do que em Dezembro de 2019.

Segue-se Póvoa de Lanhoso, que no final de Dezembro contava 885 desempregados, mais 18 do que no mês de Novembro. Na comparação com o final de 2019, o concelho contabiliza mais 112 inscritos no IEFP.
Celorico de Basto é o concelho que se segue na tabela. Tinha, no fim de Dezembro 837 desempregados, mas 45 do que em Novembro. Na comparação com Dezembro de 2019, este concelho depara-se com mais 180 pessoas sem emprego.
Em Esposende, o ano de 2020 terminou com 743 desempregados, menos oito do que em Novembro, mas mais 104 do que em Dezembro de 2019.
Segue-se Cabeceiras de Basto que viu o número de inscritos no IEFP descer em Dezembro face a Novembro. Terminou o mês com 724 desempregados, menos 36 do que Novembro. Na comparação com 2019, são mais 11 pessoas sem trabalho.

Vieira do Minho contabilizou em Dezembro mais 30 desempregados, terminando o ano com 660 inscritos no IEFP. São mais 59 do que em Dezembro de 2019.
Em Amares, os números mostram que o concelho contabilizava no final de Dezembro 563 desempregados, menos 53 do que em Novembro. Na comparação com o final de 2019, são mais 66 pessoas sem trabalho.
Terras de Bouro é o único concelho que registou no final de 2020 menos desempregados do que em 2019. O concelho tinha no final do mês passado 324 desempregados, mais sete do que Novembro, mas menos seis do que Dezembro de 2019.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho