Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
“É destes exemplos que o concelho precisa”
Município de Ponte de Lima procedeu à assinatura do Auto de Consignação da Empreitada de "Arranjos Exteriores da EB 2,3 de Arcozelo"

“É destes exemplos que o concelho precisa”

ABC/UMinho espera amanhã jogo exigente com o Sporting

“É destes  exemplos que o concelho precisa”

Economia

2019-11-30 às 09h00

Marta Amaral Caldeira Marta Amaral Caldeira

RICARDO RIO, presidente da Câmara de Braga e InvestBraga, visitou, ontem, empresa Porta XXI.

É de Braga e directamente para os principais mercados de França, Alemanha, Bélgica, Holanda e Reino Unido que seguem os portões, portas, gradeamentos, cercas, portadas e painéis do Grupo ‘Porta XXI’, além dos mercados africano e americano. A empresa com mais de 500 colaboradores labora no Parque Industrial de Adaúfe e 95 por cento da sua produção é para exportação. Na visita a mais um ‘embaixador empresarial’ bracarense, Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga e da InvestBraga - Agência para a Dinamização Económica de Braga, assinalou que “é de empresas desta qualidade que o concelho precisa”.

Rio sublinhou a importância de a InvestBraga manter esta “proximidade” com as empresas locais que, como esta, empregam um grande número de colaboradores e têm um volume de negócios elevado, sobretudo, tendo em conta que a maior parte da sua produção se destina à exportação. “Nós que somos uma das cidades mais exportadoras do país, precisamos de muitos contributos como este”, assinalou o autarca bracarense.
Ricardo Rio valorizou não só os números do Grupo Porta XXI, mas também a sua “qualidade” do ponto de vista industrial, apontando para o seu crescimento sustentado, através da diferenciação e carácter inovador dos seus produtos. “É de grupos e empresas desta qualidade que a cidade precisa porque acarretam também benefícios para a população em termos de empregabilidade - o que nos deixa muito satisfeitos”.

O Grupo ‘Porta XXI’, com um volume de facturação a ascender aos 60 milhões de euros, dispõe de uma área industrial de mais de 40.000 m2, distribuída por 11 unidades industriais, todas localizadas no Norte do país. No concelho de Braga, o grupo dispõe de sete unidades. O objectivo, enunciado por Ricardo Correia, CEO da Porta XXI é “continuar a crescer” e a Invest-Braga garantiu toda a disponibilidade de encontrar em conjunto novas soluções para acompanhar esse crescimento dentro do concelho, seja novas áreas industriais previstas em PDM, seja nos parques em requalificação de Sobreposta e Padim da Graça.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.