Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Com estes erros, não há rei que resista
Celebrações do Senhor da Paciência estão de volta

Com estes erros, não há rei que resista

Luís Caracol ‘abre’ piquenique das Artes

Com estes erros, não há rei que resista

Desporto

2022-08-05 às 06h00

Fábio Moreira Fábio Moreira

O Vitória SC caiu perante os croatas do Hadjuk Split por 3-1. Os vitorianos ainda inauguraram o marcador por Miguel Maga, mas os erros defensivos dos minhotos condenaram a equipa de Moreno Teixeira à derrota na 1.ª mão da 3.ª pré-eliminatória.

Citação

O Vitória SC perdeu por 3-1 na Croácia frente ao Hadjuk Split. Miguel Maga ainda colocou os vitorianos na frente, mas os erros defensivos da equipa de Moreno Teixeira condenaram os vimaranenses à derrota na primei- ra mão da 3.ª pré-eliminatória da Liga Conferência Europa. Sahiti, Melnjak e Krovinovic apontaram os três golos da equipa da casa.
O calor intenso que se fazia sentir na Croácia parecia ter secado as ideias dos dois conjuntos. As duas equipas demoraram muito a levar o perigo às balizas e foi preciso esperar pela recta final do primeiro tempo para a ‘redondinha’ ameaçar as redes.
Aos 40 minutos, Sahiti fez um bom movimento interior e atirou para uma defesa atenta e sólida de Bruno Varela. Os croatas ainda pediram grande penalidade por suposta mão de Alfa Semedo, mas o árbitro sueco nada assinalou.
Já em cima do apito final do primeiro tempo, os croatas voltaram a dar trabalho guardião vitoriano. Desta feita, Livaja atirou para a defesa de Bruno Varela, num lance onde a defesa minhota mostrou alguma passividade.
Porém, a ideia deixada pelo primeiro tempo era que os vitorianos tinham tudo para bater os croatas. Para tal, era preciso que os pupilos de Moreno arriscassem um pouco mais no último terço.
Com o arranque da segunda parte, as equipas apresentaram-se mais vivas dentro das quatro linhas. Aos 57 minutos, os croatas, pelos pés de Vukovic, estiveram muito próximos do golo.
Contudo, o golo inaugural acabou mesmo por ser dos vimaranenses. Aos 61 minutos, um contra-ataque mortífero de Rúben Lameiras acabou com Miguel Maga a atirar para o fundo das redes croatas.
No entanto, a vantagem minhota não duraria muito. Relaxados pelo tento conseguido, os jogadores do Vitória SC permitiram que os croatas do Hadjuk Split chegassem ao empate, com Sahiti, após Livaja acertar no poste, a fazer o gosto ao pé.
Com o jogo mais mexido, os vitorianos acabaram por cometer mais erros que os croatas souberam aproveitar com excelência. Aos 75 minutos, uma péssima abordagem de Miguel Maga permitiu a Melnjak ficar em posição priveligiada para bater Bruno Varela para o 2-1.
A três minutos dos 90, novo erro dos minotos e novo golo dos croatas. Desta feita, Dani Silva perdeu a bola em zona proibida e Krovinovic atirou forte para o fundo das redes do Vitória SC.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho