Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto aprovou Orçamento de 22,8 milhões para 2024
Nova ETAR e recolha de bio resíduos são prioridades

Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto aprovou Orçamento de 22,8 milhões para 2024

Human Power Hub desenvolveu 75 iniciativas de empreendedorismo social em quatro anos

Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto aprovou Orçamento  de 22,8 milhões para 2024

Vale do Ave

2023-12-04 às 20h11

Redacção Redacção

Verifica-se o cumprimento da regra do Equilíbrio Orçamental, sendo que o valor apurado da fórmula do Equilíbrio Orçamental ascende a 49 mil euros, já que a receita corrente prevista é superior à despesa corrente, acrescida das amortizações médias de empréstimos. A margem utilizável para endividamento é de 3,9 milhões de euros.

Citação

O Orçamento da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto para o ano 2024, no montante global de 22,8 milhões de euros, foi aprovado na reunião do Executivo Municipal de 30 de novembro. O PS votou a favor das Grandes Opções do Plano e Orçamento para o próximo ano, os dois vereadores do IPC abstiveram-se e os dois vereadores da Coligação “Fazer Diferente” - PPD/PSD-CDS-PP votaram contra.

Verifica-se o cumprimento da regra do Equilíbrio Orçamental, sendo que o valor apurado da fórmula do Equilíbrio Orçamental ascende a 49 mil euros, já que a receita corrente prevista é superior à despesa corrente, acrescida das amortizações médias de empréstimos. A margem utilizável para endividamento é de 3,9 milhões de euros.

Em 2024 a Câmara Municipal vai canalizar a verba de 1,5 milhões de euros para apoiar as famílias (bolsas de estudo, ação social escolar, natalidade), instituições, associações e clubes, as empresas e os empresários, agricultores e produtores de gado, as Juntas de Freguesia e a Basto Vida.

Das principais obras e projetos a realizar em 2024 destacamos:
Comemorações do 50.º aniversário do 25 de Abril de 1974, com a criação de uma Comissão de Honra e uma Comissão Executiva;
Implementação da Estratégia Local de Habitação;
Transferência de competências na área da saúde a partir de janeiro de 2024;
Atribuição de auxílios económicos para os alunos pertencentes a agregados familiares mais carenciados – atribuição de incentivos financeiros, refeições escolares, material escolar e ainda livros de fichas;
Elaboração do projeto técnico de execução da Zona de Acolhimento Empresarial do Arco de Baúlhe, tendo em vista a apresentação de uma candidatura ao PORTUGAL 2030;
Elaboração de estudos para a criação de percursos ribeirinhos, instalando estações interpretativas e de observação da fauna e flora ribeirinhas;
Implementação do projeto apresentado em 2023 ao PRR para o desenvolvimento do Bairro Comercial Digital – Cabeceiras Emotion Street, iniciando-se assim um caminho para a promoção de Cabeceiras de Basto como uma SmartCitie;
Conclusão da empreitada do Centro de Recolha Oficial de Animais de Companhia (CROAC) e respetiva entrada em funcionamento;
Dar continuidade à instalação de painéis fotovoltaicos nas coberturas de edifícios e equipamentos públicos, no âmbito da eficiência energética;
Elaboração do Plano Municipal de Ação Climática, que visa dotar o Município de um instrumento da política climática de âmbito municipal.

Deixa o teu comentário

Banner publicidade

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho